PT
BR
Pesquisar
Definições



Pesquisa nas Definições por:

cuidado

acurado | adj.

Feito com muito cuidado e apuro....


Que faz algo à pressa e sem cuidado ou método....


brunido | adj.

Que se bruniu, que foi lustrado....


desafogado | adj.

Que vive sem embaraços, livre de cuidados....


descansado | adj.

Sem inquietações nem cuidados....


engerocado | adj.

Feito sem cuidado ou à pressa (ex.: tentativa engerocada)....


estabanado | adj.

Que tem pouco jeito ou pouco cuidado....


Que nasce e se desenvolve sem ser semeado ou cultivado e sem cuidados especiais....


estavanado | adj.

Que tem pouco jeito ou pouco cuidado....


frágil | adj. 2 g.

Que necessita de cuidados para se conservar....


imprevidente | adj. 2 g.

Que não teve cuidado, prudência ou previdência....


incansável | adj. 2 g.

Que não se poupa a trabalhos, cuidados e sacrifícios....


modinho | adv.

Com cuidado, com cautela....


tate | interj.

Expressão usada para pedir precaução em relação a algo....


assistencial | adj. 2 g.

Relativo a assistência (ex.: actividade assistencial; cuidados assistenciais)....


descurado | adj.

Que não está cuidado, que se descurou....


-cómio | elem. de comp.

Exprime a noção de hospital ou estabelecimento para internamento (ex.: manicómio)....


desazado | adj.

Que não tem cuidado consigo próprio ou com as coisas....



Dúvidas linguísticas



Gostava de saber o grau superlativo absoluto sintético das seguintes palavras: velho, esperto, forte e mau.
Os adjectivos velho, esperto, forte e mau flexionam no grau superlativo absoluto sintético como velhíssimo, espertíssimo, fortíssimo e malíssimo/péssimo, respectivamente.



Como se escreve: quere-la ou querêla?
As grafias quere-la, querê-la e querela são formas parónimas, isto é, formas diferentes com grafia e som semelhantes.

As formas quere-la e querê-la correspondem a formas verbais do verbo querer seguidas do clítico a, na forma -la (o pronome clítico -a assume a forma -la quando a forma verbal que o precede termina em -r, -s ou -z); quere-la pode transcrever-se foneticamente ['k3rilá] e corresponde à segunda pessoa do presente do indicativo (ex.: tu queres a sopa? = quere-la?), enquanto querê-la pode transcrever-se foneticamente [ki'relá] e corresponde ao infinitivo (ex.: para alcançares alguma coisa, tens de querê-la muito).

A grafia querela pode transcrever-se foneticamente [ki'r3lá] e corresponde a um substantivo feminino, cujo significado poderá consultar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.


Ver todas