Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
baterbater | v. tr. e intr. | v. tr. | v. intr. | v. pron. | s. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ba·ter |ê| ba·ter |ê| - ConjugarConjugar
(latim battuo, -ere)
verbo transitivo e intransitivo

1. Dar pancadas em algo ou alguém.

2. Vir ou ir de encontro a algo ou alguém (ex.: bateu na parede; os carros bateram). = CHOCAR, EMBATER

3. Dar pequenos toques ou batidas (ex.: bater à porta; bater na vidraça; bater antes de entrar).

4. Mover ou mover-se com energia ou ritmo acelerado (ex.: bater as asas; o coração deixou de bater).

5. Assinalar ou ser assinalado com toques ou badaladas (ex.: o sino bateu as duas horas; a meia-noite já bateu).

6. Manifestar-se ou vir ao pensamento (ex.: bate-lhes uma nostalgia; a tristeza bateu forte quando partimos).

7. [Futebol]   [Futebol]  Chutar a bola num lance de bola parada (ex.: bater o canto; bater o penálti; na cobrança do livre, não sabíamos qual dos jogadores ia bater).

verbo transitivo

8. Tocar ou atingir determinado ponto (ex.: a árvore de Natal bate no tecto).

9. Tocar ou atingir um valor, um estado (ex.: os preços bateram valores históricos).

10. Remexer ou misturar (ex.: bater um bolo; bater as claras em castelo).

11. Fazer a exploração de (ex.: bateram a costa, à procura de novas praias). = EXPLORAR

12. Cravar ou cunhar.

13. Redigir com máquina de escrever (ex.: nessa altura, batíamos as cartas à máquina). = DACTILOGRAFAR

14. Sacudir, fustigar.

15. [Figurado]   [Figurado]  Obter uma vitória (ex.: bateu o primo no xadrez). = DERROTAR, VENCERPERDER

16. Ser superior, mais forte ou melhor (ex.: este vinho bate o anterior). = SUPERAR, ULTRAPASSAR

17. Ultrapassar uma marca ou limite estipulados (ex.: a maratonista bateu mais um recorde).

18. Atirar sobre.

19. [Caça]   [Caça]  Forçar animais, geralmente escondidos, a fugir para poderem ser capturados (ex.: bater a caça).

20. Percorrer determinada zona em perseguição de algo ou de alguém; fazer uma batida (ex.: a polícia continuou a bater o terreno e localizou os fugitivos; várias matilhas bateram o mato em busca de presas).

verbo intransitivo

21. Estar em concordância ou ser coincidente (ex.: estes números não batem). = COINCIDIR, CONFERIR

22. Chamar.

23. Soar, palpitar.

24. Assinalar a desistência, em alguns desportos de combate ou artes marciais, com golpes da mão ou do pé no solo ou no corpo do adversário.

25. [Informal]   [Informal]  Sentir o efeito de uma bebida alcoólica ou de uma substância narcótica (ex.: já sinto o vinho a bater).

verbo pronominal

26. Andar à luta com alguém; ter duelo ou desafio.

27. Combater ou lutar de qualquer modo para conseguir algo (ex.: a associação bate-se pelos direitos dos animais; bateram-se bem no debate). = PUGNAR

nome masculino

28. Acto de dar pancadas em algo (ex.: ouvia o bater da chuva na janela).


bater bem
[Informal]   [Informal]  Estar no seu perfeito juízo; ser ajuizado, equilibrado (ex.: dizem que o tipo é maluco, mas parece que é o único que bate bem da cabeça naquela família).BATER MAL

bater certo
Ser exacto, estar correcto (ex.: as nossas contas batem certo). = CONFERIR

bater mal
[Informal]   [Informal]  Não estar na posse das suas faculdades mentais plenas (ex.: aquela relação deixou-o a bater mal).BATER BEM

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "bater" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber o correto uso das expressões retro e supra. Elas podem ser usadas com a mesma finalidade? Poderiam citar exemplos?
Enquanto palavra plena, retro pode ser usada como substantivo masculino, designando a parte de trás de uma folha de papel (ex.: a mensagem estava escrita no retro da primeira folha), como advérbio, sendo sinónimo de atrás (ex.: a cadeira estava retro à mesa), e como interjeição, exprimindo ordem de afastamento (ex.: Retro, Satanás!). O prefixo retro- indica movimento para trás e, segundo o Acordo Ortográfico de 1945, não se escreve com hífen (ex.: retroacção, retrodatar), havendo apenas duplicação de r e de s quando o elemento que se lhe segue começa por essas letras (ex.: retrorreflector, retrosseguir). Segundo o Acordo Ortográfico de 1990, o prefixo retro- só deverá ser escrito com hífen se o elemento seguinte começar por o, a mesma vogal em que termina o prefixo.

Quanto a supra, enquanto palavra plena, é advérbio sinónimo de acima (ex.: foram convocados os indivíduos referidos supra). O prefixo supra- indica (i) posição superior, (ii) superioridade, (iii) excesso e (iv) intensidade. Segundo o Acordo Ortográfico de 1945, o prefixo supra- é seguido de hífen apenas quando o elemento que se lhe segue começa por vogal (ex.: supra-axilar, supra-excitar), h (ex.: supra-hepático), r (ex.: supra-renal) ou s (ex.: supra-sensível). Segundo o Acordo Ortográfico de 1990, o prefixo supra- deve aglutinar-se sempre com o elemento seguinte (ex.: supraexcitar, supranumerário), excepto se este começar por a ou h (ex.: supra-axilar, supra-hepático), obrigando à duplicação do r e do s quando se segue de palavras começadas por essas letras (ex.: suprarrenal, suprassensível).

De acordo com o uso acima explicitado de cada uma das formas, retro, supra, retro- e supra- não podem ser utilizados com a mesma finalidade.




Gostaria de esclarecer a dúvida seguinte: o predicado de uma frase pode ou não conter outros elementos como complementos directo e indirecto, circunstanciais, atributo, predicativo do sujeito? Pelo que leio na gramática de Celso Cunha e Lindley Cintra e em outras parece que sim, mas surgiram dúvidas sobre o assunto na minha escola.
O predicado é um conceito complexo. No entanto, e especialmente quando é o ensino e a explicitação da língua o que está em causa, é necessário definir conceitos operatórios. Assim, pode dizer-se que o predicado é constituído pelo verbo e pelos constituintes que dele dependem (por oposição aos constituintes que dependem da frase), correspondendo ao sintagma verbal. Por esta ordem de ideias, o complemento directo e o complemento indirecto pertencerão necessariamente ao predicado (ex.: ele ouviu um disco; o gato gostou da refeição; o aluno entregou o trabalho ao professor), assim como o predicativo do sujeito (ex.: a mãe está doente), o predicativo do complemento directo (ex.: o grupo achou a proposta interessante) ou o predicativo do complemento indirecto (ex.: ela chamou incompetente ao colega).

Segundo o Dicionário Terminológico, o predicado é uma “função sintáctica desempenhada pelo grupo verbal e pelos modificadores do grupo verbal”, sendo que o grupo verbal é constituído pelo verbo e pelos seus complementos obrigatórios. Este dicionário, da responsabilidade da Direcção-Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular do Ministério da Educação, visa contribuir para a discussão e resolução de problemas científicos e pedagógicos, pode auxiliar a investigação imprescindível aos docentes e ajuda ao esclarecimento de dúvidas como aquela que agora nos colocou.

pub

Palavra do dia

chis·te chis·te
(espanhol chiste)
nome masculino

1. Dito ou comentário que provoca ou pretende provocar o riso. = GRAÇA, GRACEJO, FACÉCIA, PIADA, PILHÉRIA

2. Poesia ou canção picaresca.

3. Malícia disfarçada que um dito ou um escrito encerra.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/bater [consultado em 18-01-2021]