Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

aterre

1ª pess. sing. pres. conj. de aterraraterrar
3ª pess. sing. imp. de aterraraterrar
3ª pess. sing. pres. conj. de aterraraterrar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

a·ter·rar a·ter·rar 1

- ConjugarConjugar

(a- + terra + -ar)
verbo transitivo

1. Cobrir ou encher de terra (ex.: aterrar uma cisterna).

2. Pôr um terreno em nível, enchendo de terra as depressões (ex.: aterrar um campo em declive).

3. Formar aterro em.

4. [Electricidade]   [Eletricidade]   [Eletricidade]  Ligar um circuito ou dispositivo eléctrico à terra (ex.: aterrar um fio).

verbo transitivo e intransitivo

5. [Aeronáutica]   [Aeronáutica]  Descer do ar para terra firme ou superfície sólida semelhante (ex.: os ventos cruzados não impediram o piloto de aterrar o helicóptero; aterraremos em Lisboa dentro de alguns minutos). = POUSARDESCOLAR, LEVANTAR

6. Deitar ou cair por terra. = ARRASAR, DERRIBAR, SOÇOBRAR

verbo pronominal

8. Afundar-se na terra. = ENTERRAR-SE

9. Esconder-se debaixo do chão (ex.: a lebre aterrou-se). = ENTOCAR-SE

verbo intransitivo

10. [Informal]   [Informal]  Adormecer, geralmente de modo rápido (ex.: chegou tão cansado que aterrou logo depois do jantar). = APAGAR

11. [Marinha]   [Marinha]  Chegar, uma embarcação, a terra.


a·ter·rar a·ter·rar 2

- ConjugarConjugar

(a- + latim terreo, -ere, aterrorizar)
verbo transitivo, intransitivo e pronominal

Causar ou sentir terror (ex.: o estrondo aterrou as crianças; tanta violência aterra; tudo me aterrava). = ASSUSTAR, ATERRORIZAR, TERRORIZARACALMAR, TRANQUILIZAR

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "aterre" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

aterre no lugar da Penske, possa ser o inicio de uma colaboração maior, que possa...

Em Continental Circus

Ainda que Meité aterre hoje em Lisboa, irá, em primeiro lugar, concluir o processo de transferência e conhecer...

Em Fora-de-jogo

...do CA Fénix, vai avançar nos próximos dias, mal o seu representante, Jorge Chijane, aterre em solo nacional, momento que está reservado para o início da próxima semana..

Em Fora-de-jogo

...há vários dias e devem conhecer novos contornos mal Jorge Chijane, agente do fuebolista, aterre em Portugal..

Em Fora-de-jogo

...deve ser celebrado até ao dia de amanhã – assim que o seu representante aterre em Lisboa..

Em Fora-de-jogo
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de informar-lhes a respeito do nome "álibi" encontrado em vossa página. Consta, que "álibi" é uma palavra acentuada por ser uma palavra proparoxítona. Porém, devido ao latinismo, a mesma não apresenta nenhum tipo de acentuação. Para verificação da regra gramatical, ver MODERNA GRAMÁTICA PORTUGUESA, 37a. edição, EVANILDO BECHARA, página 92.
A palavra esdrúxula (ou proparoxítona) álibi corresponde ao aportuguesamento do latinismo alibi, que significa “em outro lugar”. O étimo latino, cuja penúltima vogal é breve, justifica a consagração desta forma com acento gráfico, sendo que o Vocabulário da Língua Portuguesa de Rebelo Gonçalves (Coimbra: Coimbra Editora, 1966) e o Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado (Lisboa: Âncora Editora, 2001) referem, respectivamente, que é inexacta ou incorrecta, a forma aguda (ou oxítona) alibi. A Moderna Gramática Portuguesa, de Evanildo Bechara (37ª ed. revista e ampliada, Rio de Janeiro: Editora Lucerna, 2002), regista a forma alibi, mas marca-a como latinismo, isto é, como forma cuja grafia é a mesma do étimo latino, não respeitando as regras ortográficas do português que obrigam à acentuação gráfica de todas as palavras esdrúxulas. O Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa parece ser o único dicionário de língua portuguesa que regista a forma alibi (como palavra grave e com a correspondente transcrição fonética diferente de álibi), averbando-a em linha a seguir a álibi, como variante não preferencial (segundo as indicações da introdução dessa obra).



Venho por este meio pedir que me tirem uma dúvida relacionada com a palavra bolor: a correcta pronunciação da palavra acima referida é "bolor" (com o mesmo tipo de fonologia que existe em, por ex.: ardor ou timor) ou "bolór" (obviamente sem o uso do acento que coloquei, mas com um som como em pior ou maior). Pessoalmente penso que se pronuncia sem nenhum tipo de acentuação, mas desde que vim estudar para o Porto estou rodeado de gente que diz o contrário.
A pronúncia das palavras em português não obedece, em geral, a critérios de correcção, pois não se trata de uma pronúncia correcta ou incorrecta, mas de variações de pronúncia relacionadas com o dialecto ou o sociolecto do falante. Algumas obras lexicográficas contêm transcrições ou indicações de pronúncia (ou de ortoépia), que mais não são do que referências, e que, como tal, não podem ser tomadas como normativas ou vinculativas.

No caso da palavra bolor, parecem ser consideradas correctas as pronúncias do segundo o como [o] (o símbolo entre parênteses representa no alfabeto fonético internacional o som ô de ardor ou Timor) ou como [ɔ] (o símbolo entre parênteses representa no alfabeto fonético internacional o som ó de pior ou pó), ainda que a pronúncia com o som ô seja estatisticamente mais frequente. Assim, por um lado, o Vocabulário da Língua Portuguesa, de Rebelo GONÇALVES (Coimbra, Coimbra Editora, 1966) e o Grande Dicionário Língua Portuguesa (Porto, Porto Editora, 2004) indicam as duas fonéticas, enquanto o Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro MACHADO (Lisboa, Âncora, 2001), o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências (Verbo, 2001) e o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Lisboa, Círculo de Leitores, 2002) assinalam apenas a pronúncia ô.

Pelo que foi acima apontado, a dúvida colocada diz respeito à qualidade da vogal fonética que corresponde à ortografia, e não a uma acentuação diferente (em ambas as pronúncias, trata-se da mesma sílaba acentuada, bolor). Uma vogal ortográfica (, por exemplo) pode, no português europeu, corresponder a diversas vogais fonéticas (ex.: [u], em bolor), [o] ou [ɔ], em bolor). Esta qualidade da vogal é geralmente fixa em cada palavra (normalmente, o mesmo falante não oscila entre [o] ou [ɔ], em bolor), mas pode alterar-se quando, numa palavra derivada, a sílaba dessa vogal passa de tónica a átona (ex.: bolor [o] ou [ɔ] > bolorento [u]).

pub

Palavra do dia

tu·gú·ri·o tu·gú·ri·o


(latim tugurium, -ii)
nome masculino

1. Habitação rústica. = CASEBRE, CHOÇA

2. [Figurado]   [Figurado]  Local onde alguém se pode abrigar. = ABRIGO, REFÚGIO


SinónimoSinônimo Geral: TEGÚRIO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/aterre [consultado em 24-01-2022]