Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
rádiorádio | s. m.
rádiorádio | s. m.
rádiorádio | s. f.
rádiorádio | s. m. | s. f. | s. 2 g.
radio-radio- | elem. de comp.
Será que queria dizer radio?
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

rá·di·o rá·di·o 1
(latim radius, -ii, vara, estaca, raio de círculo)
nome masculino

[Anatomia]   [Anatomia]  O mais pequeno dos dois ossos que constituem o antebraço.


rá·di·o rá·di·o 2
(latim científico radium, do latim radio, -are, irradiar)
nome masculino

[Química]   [Química]  Elemento químico metálico (símbolo: Ra), número atómico 88, massa atómica 226,02, descoberto em 1899 por Marie e Pierre Curie, e cujos sais e soluções emitem radiações que atravessam com luz e calor os corpos mais opacos.


rá·di·o rá·di·o 4
(redução de radioterapia)
nome feminino

[Informal]   [Informal]   [Medicina]   [Medicina]  Tratamento por radiações ionizantes (ex.: fez rádio e químio prolongada). = RADIOTERAPIA


rá·di·o rá·di·o 3
(redução de radiofonia)
nome masculino

1. Aparelho de radiofonia receptor das ondas hertzianas (ex.: comprou um rádio portátil). = RADIOFONE, TELEFONIA, TRANSÍSTOR

2. Aparelho transmissor-receptor usado para comunicações em empresas de táxis, aeronaves, embarcações, etc.

3. Mensagem transmitida por radiotelegrafia. = RADIOGRAMA, RADIOTELEGRAMA

nome feminino

4. Transmissão da voz e de outros sons utilizando as propriedades das ondas radioeléctricas. = RADIODIFUSÃO, RADIOFONIA, RADIOTELEFONIA

5. Estação de transmissão dos sons por meio de ondas electromagnéticas. = RADIODIFUSORA, RADIOEMISSORA

nome de dois géneros

6. Radiotelefonista ou radiotelegrafista.


rádio livre
Organismo de radiodifusão privada cujas emissões apenas podem ser captadas num raio de alguns quilómetros.

rádio local privada
O mesmo que rádio livre.

rádio pirata
Rádio que difunde ilegalmente as suas emissões.


radio- radio-
elemento de composição

1. Exprime a noção de rádio, radiação ou acção radioactiva (ex.: radiocarbono, radiogénico).

2. Exprime a noção de ondas hertzianas ou telefonia (ex.: radiocomunicação).


pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "rádio" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Tivemos esta discussão sobre o famoso túnel do Marquês: está errado dizer "vamos concluí-lo". Deveria ser "vamos conclui-lo" (sem acento no i), pois "concluí-lo" é pretérito perfeito, não é? Por favor confirmem.
A forma correcta na frase em causa será mesmo concluí-lo (com acento), pois trata-se do infinitivo do verbo concluir, seguido do pronome átono o que assume a forma -lo, por estar a seguir a uma forma verbal terminada em -r (que desaparece). O acento surge para que se mantenha o hiato do infinitivo (isto é, para que as vogais ui não formem um ditongo). A frase Vamos concluí-lo é então a correcta e corresponde a Vamos concluir alguma coisa.

A frase *Vamos conclui-lo seria agramatical, pois seria equivalente a *Vamos concluis alguma coisa, já que a forma conclui-lo (sem acento) corresponde ao presente do indicativo do verbo concluir, isto é, [tu] concluis, seguido do pronome átono o que assume a forma -lo, por estar a seguir a uma forma verbal terminada em -s (que desaparece). Neste caso não há necessidade de acento, pois há um ditongo em [tu] concluis.




Gostaria de saber se se diz pronto ou prontos numa frase como pronto(s), fica assim combinado. Já agora, o porquê, a explicação.
Apesar de ser muito usual em contextos informais, a forma prontos deverá ser evitada.

A palavra pronto pode corresponder a várias classes gramaticais com diferentes usos semânticos e sintácticos. Pronto pode ser, por exemplo, um adjectivo definido como "que está preparado ou em condições", sendo flexionável em género e número (ex.: a casa está pronta para as visitas; os quartos já estão prontos).

Frequentemente, pronto é usado como interjeição para indicar a conclusão de algo (ex.: pronto, ela finalmente terminou a carta), compreensão ou consolo (ex.: pronto, já está tudo bem) ou desagrado (ex.: pronto, estou farto). Neste caso, visto que as interjeições são uma classe de palavras invariáveis, é aconselhável usar apenas a forma pronto, independentemente do género ou número do sujeito.

A indicação acima tem em conta os registos lexicográficos da palavra e segue os conselhos mais comuns de consultores da língua. É possível, contudo, admitir que se possa formar outra interjeição de origem expressiva a partir da forma masculina plural do adjectivo (prontos), à semelhança de outras interjeições, formadas a partir de flexões plurais (ex.: caraças, céus, cruzes). A interjeição prontos é muito usual em registos coloquiais quotidianos, mas, como tal forma não é normalmente aceite em obras de referência, será desaconselhado utilizá-la.

pub

Palavra do dia

zoi·si·te zoi·si·ta
([Sigismund] Zois [von Eldstein], antropónimo [mineralogista esloveno] + -ite)
nome feminino

[Mineralogia]   [Mineralogia]  Mineral ortorrômbico do grupo dos epídotos, usado como pedra preciosa.


• Grafia no Brasil: zoisita.

• Grafia no Brasil: zoisita.

• Grafia em Portugal: zoisite.

• Grafia em Portugal: zoisite.
pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/r%C3%A1dio [consultado em 08-08-2020]