Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

palha-branca

palha-brancapalha-branca | n.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

palha-branca palha-branca


nome

(A definição desta palavra irá estar disponível brevemente. Envie comentários ou sugestões para dicionario@priberam.pt)
pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

identidades. Os nazis souberam dessas atividades e, em 20 de outubro de 1943, Irena Sendler foi presa pela Gestapo e levada para a prisão de Pawiak , onde foi brutalmente torturada. Num colchão de palha encontrou uma pequena estampa de Jesus Misericordioso com a inscrição: "Jesus, em Vós confio", e conservou

Em Geopedrados

. A cortina vermelha, a cama de madeira escura, bibelôs e bichinhos de pelúcia. O abajur com pingentes e a colcha de chenille meio desbotada. Almofadinha de coração e cheiro de umidade. Mas no Sul se tem puta bonita era essa ai. Pele branca cabelo escuro, pela luz tremula e minha tonteira liquida

Em VARAL de IDÉIAS

cómicas de Garret / Sátiras e epigramas de João de Deus / os Contos de Gervásio Lobato – os tipos caricaturescos de Eça de Queiroz - as Sátiras à mulheres de Augusto Gil - as obras de André Brun e de Campos Monteiro , Fialho d’Almeida , Francisco Palha , Sousa Bastos , Ramalho Ortigão, Júlio Cesar Machado

Em humorgrafe

redondo Fio e coração de prata; O cabelo é palha milho, Folhelho na desfolhada. A onda que o embalou Aconchegado nas algas Deu-lhe ao corpo de veludo Um movimento de dança: A gota de Gondarém Ou Verde-Gaio da Armada. Todo o seu corpo macio Rebrilha como uma chama Ou espelho de aço fino Frente ao Sol que

Em Geopedrados

Ainda hoje vou-me embora pra Candeias Ainda hoje meu amor eu vou voltar Da terra nova nem saudade vou levando Pelo contrário, pouca história pra contar Quero ver a lua vindo por detrás da samambaia Rede de palha se abrindo em cada palmo de praia Quero ver a lua branca clareando como um dia E nos

Em blog0news
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber a vossa definição da palavra antropofágico e gostaria também que me dessem um exemplo de como a palavra escatológico pode ser usada com vários sentidos.
O adjectivo antropofágico designa o que é relativo a antropofagia ou a antropófago (cujas definições poderá encontrar no Dicionário da Língua Portuguesa On-line, seguindo as hiperligações) e pode, na maioria dos contextos, ser sinónimo de canibalesco.

O adjectivo escatológico diz respeito a escatologia, mas, atendendo a que esta palavra corresponde a dois homónimos (isto é, palavras que se escrevem e lêem de maneira igual, mas que têm significados e etimologias diferentes), pode ter significados diferentes consoante os contextos. Por exemplo, humor escatológico poderá dizer respeito ao humor feito com recurso a alusões aos excrementos e necessidades fisiológicas; por outro lado, filosofia escatológica poderá dizer respeito à filosofia que trata do que pode acontecer no fim do mundo ou no fim dos tempos.




Está correto dizer macérrimo para uma pessoa muito magra?

O superlativo absoluto sintético simples dos adjectivos (aquele que exprime, através de uma só palavra, um elevado grau de determinado atributo ou qualidade) forma-se, em português, através da adjunção do sufixo -íssimo ao adjectivo (ex.: vulgaríssimo, tristíssimo, cheiíssimo).

Alguns adjectivos, porém, apresentam um superlativo alternativo, derivado do superlativo latino. É o caso de magro, que forma, além do superlativo regular magríssimo, o superlativo irregular macérrimo (do latim macerrìmus, -a, -um, superlativo de màcer “magro, debilitado”), tal como célebre (celebérrimo ou celebríssimo), pobre (paupérrimo ou pobríssimo), próspero (prospérrimo ou prosperíssimo).

Outros casos de superlativos eruditos incluem formas terminadas em -imo, como fácil (facílimo ou facilíssimo), bem como formas que derivam do latim ou que recuperam parte do radical latino, como simples (simplicíssimo ou simplíssimo), respeitável (respeitabilíssimo), ineficaz (ineficacíssimo), chão (chaníssimo).

Não há muitos superlativos eruditos, sendo fácil encontrá-los elencados em compêndios gramaticais, como na Nova Gramática do Português Contemporâneo (Lisboa: Edições Sá da Costa, 1998, pp. 258-259).

Recentemente, o sufixo -érrimo, característico de superlativos eruditos, tem sido usado, seja por desconhecimento, seja por ironia, em formações novas, inexistentes no latim, como chatérrimo (em vez de chatíssimo) ou chiquérrimo (em vez de chiquíssimo). No caso do adjectivo magro, este sufixo gerou ainda a forma magérrimo, dispensável em registos de língua cuidados.

pub

Palavra do dia

e·ril e·ril


(latim aereus, -a, -um, de cobre ou bronze + -il)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Que é feito ou coberto de cobre, bronze ou latão.

2. Da cor do bronze. = BRÔNZEO


SinónimoSinônimo Geral: ÉREO

Confrontar: heril.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/palha-branca [consultado em 27-10-2021]