PT
BR
Pesquisar
Definições



gráfico

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
gráficográfico
( grá·fi·co

grá·fi·co

)
Imagem

Traçado linear da marcha de um fenómeno ou de uma máquina, da variação de uma função matemática, etc.


adjectivoadjetivo

1. Relativo à grafia (ex.: os sinais gráficos de uma língua são os caracteres, a escrita dessa língua).

2. Diz-se de tudo o que se refere à arte de representar os objectos por linhas ou figuras.

3. Relativo à arte de reproduzir pela tipografia, gravura, estereotipia, etc.


nome masculino

4. Traçado linear da marcha de um fenómeno ou de uma máquina, da variação de uma função matemática, etc.Imagem = DIAGRAMA

5. O mesmo que diagrama.

6. Traçado descrito por um aparelho registador.

7. Desenho aplicado às ciências.

8. Técnico que trabalha na indústria gráfica.

etimologiaOrigem etimológica:latim graphicus, -a, -um, desenhado por mão de mestre, perfeito, completo, do grego grafikós, -ê, -ón, capaz de desenhar ou de pintar.

Auxiliares de tradução

Traduzir "gráfico" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Qual denominação para a "operação" de passar Francisco a Chico, Helena a Lena, Alice a Lili, etc.
As palavras Chico, Lena ou Lili são hipocorísticos (isto é, nomes próprios usados para designar alguém de maneira informal ou carinhosa) em relação a Francisco, Helena e Alice, respectivamente. Estes três hipocorísticos mostram, contudo, fenómenos diferentes de formação de palavras: em Francisco > Chico há uma redução por aférese acompanhada de alteração expressiva da forma reduzida; em Helena > Lena há uma simples redução por aférese; em Alice > Lili há uma redução com aférese e apócope e com o redobro de uma sílaba. A estes mecanismos pode ainda juntar-se o frequente uso de sufixos aumentativos ou diminutivos (ex. Chicão, Leninha).



Gostaria de saber qual o antônimo de pensando.
É difícil encontrar uma palavra antónima para o verbo pensar (o mais fácil é a locução não pensar). No entanto, e apenas em alguns contextos, é possível utilizar o antónimo esquecer (por exemplo, pensou no pai) ou desconhecer (por exemplo, pensou na solução mais correcta).