Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

daí

daídaí | contr.
Será que queria dizer dai?
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

da·í da·í


(de + aí)
contracção
contração

1. Usa-se para indicar a origem ou a proveniência de um local próximo da pessoa a quem se fala (ex.: saímos daí ainda de madrugada).

2. Usa-se para fazer referência a um determinado lugar ou momento (ex.: os avós provinham daí, dessa aldeia minhota; chegou ao trabalho às 8h00 e esteve sempre em reuniões daí até à hora de almoço).

3. Usa-se para indicar uma consequência ou conclusão decorrente do que foi dito anteriormente (ex.: o médico determinou o internamento hospitalar imediato, daí o suspeito estar confiado aos serviços hospitalares locais; os resultados económicos mantiveram-se estáveis durante o ano, daí as linhas do gráfico). = DONDE


daí que
Usa-se para indicar uma consequência ou conclusão decorrente do que foi dito anteriormente (ex.: o orçamento não foi aprovado, daí que tenha sido convocada nova reunião).

e daí
Usa-se para questionar o interesse ou a importância do que foi dito anteriormente (ex.: foram jantar fora, e daí?). = E QUÊ

vai daí
[Informal]   [Informal]  Usa-se como elemento expressivo de ligação, geralmente introduzindo uma consequência ou conclusão (ex.: os sindicatos não chegaram a acordo com o patronato, vai daí cancelaram as negociações).

pub

Parecidas

Anagramas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

...como inequívoca demonstração do fervoroso respeito que Brasilino Godinho consagra à sua pessoa e daí decorrer o natural e peculiar modus faciendi com que respeita o

Em A Quinta Lusitana

...e partiu em janeiro de 1526 rumo a Elvas com grande e rica comitiva, dai prosseguindo a viagem em liteira até a fronteira

Em Geopedrados

Daí até final o Leça do Balio aproveitou o "desligar" do Ventura para numa excelente...

Em futebol matosinhos

E a partir dai , a nossa pobreza envergonhou-se..

Em largo da memória

A partir daí não mais

Em Geopedrados
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber a vossa definição da palavra antropofágico e gostaria também que me dessem um exemplo de como a palavra escatológico pode ser usada com vários sentidos.
O adjectivo antropofágico designa o que é relativo a antropofagia ou a antropófago (cujas definições poderá encontrar no Dicionário da Língua Portuguesa On-line, seguindo as hiperligações) e pode, na maioria dos contextos, ser sinónimo de canibalesco.

O adjectivo escatológico diz respeito a escatologia, mas, atendendo a que esta palavra corresponde a dois homónimos (isto é, palavras que se escrevem e lêem de maneira igual, mas que têm significados e etimologias diferentes), pode ter significados diferentes consoante os contextos. Por exemplo, humor escatológico poderá dizer respeito ao humor feito com recurso a alusões aos excrementos e necessidades fisiológicas; por outro lado, filosofia escatológica poderá dizer respeito à filosofia que trata do que pode acontecer no fim do mundo ou no fim dos tempos.




A palavra secção nos novos dicionários de várias editoras sofre alteração e passa a ser seção depois de aplicado o Acordo Ortográfico e não tem as duas grafias. No vosso conversor, secção não é convertida para seção. De qualquer maneira não faz nenhum sentido retirar o c à palavra secção e confunde-se com a palavra sessão na expressão oral, só se conseguindo distinguir na escrita. Como é que se pode explicar isto? Este acordo ortográfico não faz sentido nenhum nem sequer consigo entender como ninguém faz mais nada.
Como previsto pelo texto do Acordo Ortográfico de 1990, as duplas grafias são aceites pelo corrector ortográfico em casos em que a chamada "norma culta" hesita entre a prolação e o emudecimento das consoantes c e p. A "norma culta", que o texto legal tantas vezes invoca como critério para aproximar a grafia da pronúncia, é difícil de aferir, pelo que, para as opções do corrector ortográfico, a Priberam levou em consideração a transcrição fonética ou as indicações de ortoépia registadas em dicionários e vocabulários.

A grafia da palavra secção não sofre alteração com a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990, uma vez que, na norma europeia do português, o -c- é pronunciado, como poderá verificar pela consulta de dicionários ou vocabulários com transcrição fonética ou ortoépica, nomeadamente no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa ou no Dicionário Priberam da Língua Portuguesa. Este caso é semelhante a outros em que a consoante é pronunciada (ex.: adaptar, facto, intelectual, pacto) e que, consequentemente, não sofrem alteração no português europeu com a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990.

A pronúncia se[s]ão não corresponde a uma articulação usual no português europeu, mas sim no português do Brasil, onde a grafia seção é a mais usual e coexiste com a grafia secção, correspondendo cada grafia a uma pronúncia diferente.

Estas diferenças de pronúncia entre a norma europeia do português e a norma brasileira originam que, mesmo com a aplicação do Acordo Ortográfico, sejam privilegiadas grafias diferentes em cada uma das normas (ex.: académico, facto e receção, na norma europeia; acadêmico, fato e recepção, na norma brasileira).

pub

Palavra do dia

e·ril e·ril


(latim aereus, -a, -um, de cobre ou bronze + -il)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Que é feito ou coberto de cobre, bronze ou latão.

2. Da cor do bronze. = BRÔNZEO


SinónimoSinônimo Geral: ÉREO

Confrontar: heril.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/da%C3%AD [consultado em 27-10-2021]