Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

sacode

3ª pess. sing. pres. ind. de sacudirsacudir
2ª pess. sing. imp. de sacudirsacudir
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

sa·cu·dir sa·cu·dir

- ConjugarConjugar

verbo transitivo

1. Agitar com força e repetidas vezes.

2. Bater (para limpar).

3. Abanar; abalar.

4. Expulsar; repelir.

5. Atirar.

6. Fazer tremer.

7. [Figurado]   [Figurado]  Espertar; excitar.

verbo pronominal

8. Saracotear-se.

9. Escapar-se.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "sacode" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Uma dança sacode a terra inteira..

Em Geopedrados

Viu, por onde ele passa Sacode alegria a vapor Limão com cachaça E a onda do frevo esquentou Lá vem...

Em blog0news

"Jesus nos sacode , não se contenta com declarações de fé, pede-nos que purifiquemos a nossa religiosidade...

Em Blog da Sagrada Família

Uma dança sacode a terra inteira..

Em Geopedrados

carinhoso conforto, mas vigorosamente, com os movimentos bruscos de quem sacode pó ou esfrega uma nódoa..

Em TEMPO CONTADO
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Como dizer correctamente: ...a área que mais lhe fascina ou ... a área que mais a fascina?
O verbo fascinar é tradicionalmente registado nos dicionários como transitivo directo, isto é, como um verbo que selecciona um complemento nominal obrigatório que não é introduzido por uma preposição (ex.: esta área fascinou o aluno), não sendo consideradas aceitáveis construções com um complemento indirecto, isto é, um complemento nominal obrigatório introduzido por uma preposição (ex.: *esta área fascinou ao aluno; o asterisco indica agramaticalidade). Quando há pronominalização dos complementos de terceira pessoa, o complemento directo corresponde aos pronomes pessoais o, a os, as e o complemento indirecto aos pronomes pessoais lhe, lhes. Assim, relativamente aos exemplos acima referidos, a pronominalização do complemento directo da frase esta área fascinou o aluno deve ser feita com o pronome o (esta área fascinou-o), pois trata-se de um complemento directo, e não com o pronome lhe (*esta área fascinou-lhe).

Em relação às frases apontadas na dúvida colocada, o caso é o mesmo. Deverá ser usada a construção a área que mais a fascina (equivalente a a área que mais fascina alguém) e não a construção *a área que mais lhe fascina (equivalente a *a área que mais fascina a alguém).




Gostava de saber o emprego das maiúsculas na língua portuguesa.
O uso das maiúsculas está regulamentado para o português europeu nas bases XXXIX a XLVII do Acordo Ortográfico de 1945, a que poderá aceder seguindo a hiperligação.

O Acordo Ortográfico de 1990 altera, através da sua Base XIX, alguns usos decorrentes das disposições de 1945, nomeadamente a não obrigatoriedade de maiúsculas em meses e estações do ano.

pub

Palavra do dia

o·ven·çal o·ven·çal


(ovença + -al)
nome masculino

1. [Antigo]   [Antigo]  Pessoa encarregada de uma despensa. = DESPENSEIRO, ECÓNOMO

2. [Antigo]   [Antigo]  Cobrador de rendas.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/sacode [consultado em 19-10-2021]