Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

Pesquisa por "contratar" nas definições

admitir | v. tr.
    Consentir a aproximação ou a entrada de....

apalavrar | v. tr. | v. pron.
    Contratar, combinar, ajustar de palavra....

apenar | v. tr.
    Contratar para trabalhar....

apenhorar | v. tr.
    Dar como segurança de uma dívida ou contrato; dar ou pôr em penhor....

assoldadar | v. tr. | v. pron.
    Contratar (para um serviço)....

capitular | v. tr. | v. intr.
    Combinar, contratar, mediante condições....

comissório | adj.
    Cláusula cuja inexecução determina a nulidade de um contrato....

contracto | adj.
    Que sofreu contracção....

contrair | v. tr. e pron. | v. tr.
    Diminuir(-se) de tamanho ou volume....

contratar | v. tr. | v. tr., intr. e pron.
    Fazer um acordo para fornecimento de produtos ou serviços, mediante um pagamento; adquirir por contrato (ex.: contratar um serviço; o ministério contratou a empreitada a uma empresa internacional)....

consignar | v. tr.
    Determinar ou assinalar renda ou quantia para certa despesa ou extinção de dívida....

desavir | v. tr. e pron. | v. pron.
    Deixar ou ficar zangado ou em conflito (ex.: a disputa pelos bens desaveio os irmãos; desavieram-se, mas já se reconciliaram)....

desengajar | v. tr. e pron.
    Libertar ou libertar-se de ajuste, contrato ou compromisso....

discordar | v. tr. e intr. | v. intr.
    Não estar de acordo (ex.: discordar de uma decisão; discordo de que essa seja a melhor solução; apenas discordam nos termos do contrato; raramente discordamos)....

encampar | v. tr.
    Rescindir (contrato de arrendamento) restituindo ao dono a coisa arrendada....

Dúvidas linguísticas


Qual é o superlativo absoluto sintético do adjectivo miúdo?
O adjectivo miúdo admite o superlativo regular miudíssimo e o irregular minutíssimo, derivado do superlativo latino minutissimus, do adjectivo minutus, que está na origem etimológica de miúdo.



Gostaria de saber se é correto o uso das locuções haja visto ou haja vista. Qual das duas é a correta e em que ocasiões devem ser usadas?
A locução haja vista pode ter diferentes usos:
1) Pode ser seguida das preposições a ou de: “haja vista ao assunto”, “haja vista dos argumentos”;
2) Pode manter-se invariável: “haja vista as situações”;
3) Pode flexionar o segundo termo da locução (que neste caso funciona como adjectivo, ao contrário dos exemplos restantes, onde tem função substantiva): “haja vistas as coisas”, “haja visto o caso”;
4) Pode flexionar o verbo: “haja vista o caso”, “hajam vista as opiniões”;
5) Sempre que a preposição em seja utilizada entre o verbo e o substantivo, mantém-se invariável: “haja em vista as situações”.

Como se pode ver pelo acima exposto, ambas as locuções estão correctas. No entanto, há que ter em conta que haja vista pode ser utilizada invariavelmente em todas as construções sintácticas enquanto haja visto tem necessariamente de concordar com o que se lhe segue: “haja visto o assunto”/”haja vistos os assuntos”.

Palavra do dia

re·fu·gar re·fu·gar


(latim refugo, -are)
verbo transitivo

1. Pôr de parte. = DESPREZAR, REJEITAR

2. [Brasil]   [Brasil]  Separar, apartar (ex.: refugar o gado).

Confrontar: refogar.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/pesquisar/contratar [consultado em 22-01-2022]