PT
BR
Pesquisar
Definições



nomear

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
nomearnomear
( no·me·ar

no·me·ar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Designar pelo nome (ex.: nomeou os alunos um a um). = CHAMAR

2. Dar nome a (ex.: falta nomear a empresa). = DENOMINAR, NOMINAR

3. Dizer o nome de (ex.: não conseguiu nomear um presidente da primeira república). = CITAR, DESIGNAR

4. Fazer menção ou referência a algo (ex.: nomeou apenas as vantagens). = CITAR, MENCIONAR, REFERIR

5. Escolher ou despachar para um emprego ou cargo. = INSTITUIR

6. Conferir dignidade.

7. Propor para prémio ou concurso. = INDIGITAR

8. Falar de (alguém).


verbo transitivo e pronominal

9. Atribuir ou atribuir-se qualidades. = INTITULAR


verbo pronominal

10. Dizer o seu nome. = CHAMAR-SE

etimologiaOrigem etimológica:latim nomino, -are, chamar pelo nome, chamar, citar, mencionar.

Auxiliares de tradução

Traduzir "nomear" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Ministrar pode usar-se como leccionar no seguinte contexto: curso de formação profissional ministrado para a entidade X? Se não, qual a palavra mais adequada para a frase indicada?
O verbo ministrar pode ser sinónimo de leccionar e, tal como este, quando selecciona um complemento indirecto constrói-se usualmente com a preposição a, pelo que no contexto indicado deveria figurar Curso de formação profissional ministrado à (= crase da preposição a + artigo definido a) entidade X.



Utilizo com frequência o corrector linguístico, constituindo este uma importante ferramenta de trabalho. Constatei que, ao contrário do que considerava, a palavra pátio tem esta ortografia, e não páteo. Gostaria que me informassem se existiu algum acordo ortográfico recente ou se, pelo contrário, a ortografia actual sempre foi a correcta.
Já no texto da base IX do Acordo Ortográfico de 1945 (e na base V do Acordo Ortográfico de 1990), é referida a forma pátio, pelo que esta é a única forma considerada correcta.

É no entanto algo frequente a utilização da forma páteo, nomeadamente em estabelecimentos comerciais; esta forma pode ser considerada uma grafia mais antiga, de uma altura em que as convenções ortográficas ainda não tinham estabilizado a grafia do português.