Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

não dizer coisa com coisa

coisacoisa | n. f. | n. f. pl.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

coi·sa coi·sa


(latim causa, -ae, causa, razão)
nome feminino

1. Objecto ou ser inanimado.

2. O que existe ou pode existir.

3. Negócio, facto.

4. Acontecimento.

5. Mistério.

6. Causa.

7. Espécie.

8. [Informal]   [Informal]  Qualquer pessoa do sexo feminino cujo nome se ignora ou não se quer nomear.

9. [Informal]   [Informal]  Órgão sexual feminino.

10. Qualquer objecto que não se quer ou não se consegue nomear (ex.: essa coisa não serve para nada).

11. [Informal]   [Informal]  Órgão sexual masculino. = COISO

12. [Brasil: Nordeste]   [Brasil: Nordeste]  Cigarro de haxixe ou marijuana. = BASEADO


coisas
nome feminino plural

13. Bens.


aqui há coisa
[Informal]   [Informal]  Expressão que indica que algo levanta suspeitas ou dúvidas. = AQUI HÁ GATO

coisa alguma
O mesmo que nada.

coisa de
[Informal]   [Informal]  Aproximadamente, cerca de.

coisa nenhuma
Usa-se para negar a ausência total de objectos, coisas, ideias, conceitos, etc. (ex.: não se lembrou de coisa nenhuma para dizer; coisa nenhuma lhe parecia interessante). = NADA

coisas da breca
[Informal]   [Informal]  Coisas inexplicáveis, espantosas.

coisas do arco-da-velha
[Informal]   [Informal]  Histórias extraordinárias, inverosímeis.

coisas e loisas
[Informal]   [Informal]  Grande quantidade de coisas diversificadas.

[Informal]   [Informal]  Conjunto de coisas indeterminadas.

como quem não quer a coisa
[Informal]   [Informal]  Dissimuladamente.

fazer as coisas pela metade
[Informal]   [Informal]  Não terminar aquilo que se começou.

mais coisa, menos coisa
[Informal]   [Informal]  Aproximadamente.

não dizer coisa com coisa
[Informal]   [Informal]  Ter um discurso desconexo; dizer disparates, coisas sem sentido.

não estar com coisas
[Informal]   [Informal]  Agir prontamente, sem hesitar.

não estar/ser (lá) grande coisa
[Informal]   [Informal]  Não estar/ser particularmente bom ou extraordinário.

ou coisa que o valha
[Informal]   [Informal]  Ou algo parecido.

pôr-se com coisas
[Informal]   [Informal]  Arranjar problemas ou dificuldades onde não existem.

que coisa
[Informal]   [Informal]  Exclamação que se usa para exprimir espanto, desagrado ou irritação.

ver a(s) coisa(s) malparada(s)
[Informal]   [Informal]  Prever insucesso ou perigo aquando da realização de algo.


SinónimoSinônimo Geral: COUSA

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "não dizer coisa com coisa" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

protestar. Há pequeno sorriso nos lábios dela, o quê? pôs Gloss? e deixou o cabelo solto, escolheu também uma T-Shirt branca em vez das pretas que usa normalmente. O Bernardo sorri-lhe, pergunta-lhe qualquer coisa que não entendo, estou tão surpreendida que nem sei bem como agir. A Matilde sorri, responde

Em MINHA P

Finalmente eu consegui entender alguna coisa de "Duna". Nunca li o livro de Frank Herbert, mas sou velho o suficinte para ter visto no cinema o filme de David Lynch. Que eu revi no ano passado, no streaming, o que me dá lugar de fala para dizer que aquela joça não para em pé. Foram precisos quase

Em www.tonygoes.com.br

de caridade para participar, com a mulher, desse voo histórico, disse: "Comecei a chorar. Meu coração disparou. Era hora de dizer adeus". Ivor Simms, controlador de voo em Heathrow, contou que "estava em treinamento em 1976 quando o primeiro voo do Concorde partiu para Nova York, e me orgulho muito

Em NOTÍCIAS SOBRE AVIAÇÃO AVIATION NEWS

É questão de feitio, nada a ver com estudos ou inteligência, há os que não acreditam em nada coisa nenhuma, enquanto outros, seja ele a borra do café, o vôo dos pombos, a matrícula do autocarro, em tudo descobrem prenúncios e avisos. Se vêem um manco mudam de passeio, nos dias treze andam com uma

Em TEMPO CONTADO

Diário de Notícias (10 outubro). Que viva Eric Rohmer! O cineasta de A Minha Noite em Casa de Maud (1969) está de volta às salas escuras com as reposições, em cópias restauradas, das suas “Comédias e Provérbios” . A confirmar, além do mais, que a sua trajectória artística, livre e libertária, não

Em sound + vision
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Devo usar o termo implementador, ou aconselham algum outro?
O vocábulo implementador parece ser de formação recente (a partir de implementar + sufixo -dor) e não se encontra averbado pelos principais dicionários de língua. Ainda assim, implementador obedece às regras de boa formação morfológica, tal como outros casos formados a partir do sufixo -dor (exprimindo a noção de "agente") e que já se encontram atestados lexicograficamente: alimentador, desfragmentador, instrumentador, etc.

Pesquisas em corpora e em motores de busca da Internet revelam que o termo implementador vem sendo usado, sobretudo na área da informática, como adjectivo (ex.: entidade implementadora, parceiros implementadores) e como substantivo, designando a pessoa ou a entidade que implementa (ex.: implementadores de páginas HTML, a empresa surgiu no mercado das tecnologias de informação como implementadora).




Gostaria de saber se a palavra "pixel" existe em português e qual é o seu plural. Em muitas ocasiões aparece "pixeis" mas sendo uma palavra de origem inglesa o seu plural não deveria ser "pixels"?
A palavra pixel é um estrangeirismo proveniente do inglês que já faz parte do léxico do português, encontrando-se registada em dicionários de língua portuguesa, e cujo plural deve respeitar a flexão da sua língua de origem (pixels).

Como acontece com muitos estrangeirismos, a par da forma da língua inglesa surge igualmente uma forma aportuguesada, píxel, com uma adaptação ortográfica para adequar a acentuação gráfica (uma palavra portuguesa acabada em -l, se não tiver acento gráfico, será acentuada na última sílaba – ex.: papel, pincel – e não na penúltima, como em xel). Se se optar pelo aportuguesamento píxel, a flexão plural regular deverá ser píxeis (à semelhança de outras palavras com o mesmo contexto ortográfico, como nível ou amável). A forma *pixeis (sem acento gráfico) não corresponde ao plural de nenhuma das formas referidas (nem do estrangeirismo original, nem da forma aportuguesada), pelo que não deverá ser usada.

Como forma alternativa a pixel ou píxel, poderá ser usada ainda a palavra ponto, que vem sendo usada com o significado de pixel ou píxel, isto é, "unidade mínima de uma imagem digital".

pub

Palavra do dia

a·bro·que·lar a·bro·que·lar

- ConjugarConjugar

(a- + broquel + -ar)
verbo transitivo

1. Dar a forma de broquel a.

verbo transitivo e pronominal

2. Cobrir ou defender-se com broquel ou escudo (ex.: tentaram abroquelar o rei dos tiros do regicida; os soldados abroquelavam-se nas couraças).

3. [Figurado]   [Figurado]  Dar ou procurar resguardo ou protecção (ex.: não podemos abroquelar os fortes e desproteger os fracos; abroquelava-se do ruído e da confusão). = AMPARAR, DEFENDER, PRECAVER, PROTEGER, RESGUARDAR


SinónimoSinônimo Geral: BROQUELAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/n%C3%A3o%20dizer%20coisa%20com%20coisa [consultado em 26-10-2021]