PT
BR
Pesquisar
Definições



aberto

A forma abertopode ser [masculino singular particípio passado de abrirabrir] ou [adjectivoadjetivo].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
abertoaberto
|é| |é|
( a·ber·to

a·ber·to

)


adjectivoadjetivo

1. Que não tem cobertura.

2. Que não tem resguardo; livre, franco.

3. Vasto, extenso.

4. Desdobrado.

5. Cortado, rasgado.

6. Gravado.

7. Não cicatrizado.

8. Patente.

9. Livre.

10. Inaugurado.

11. Vigilante.

12. Que denota franqueza.

13. Que se pronuncia com força e abrindo a boca.

etimologiaOrigem etimológica:latim apertus, -a, -um, sem cobertura, aberto, exposto.
abrirabrir
( a·brir

a·brir

)
Conjugação:regular.
Particípio:irregular.


verbo transitivo

1. Fazer cessar o estado de fechado (ex.: abri as janelas). = DESCERRARENCERRAR, FECHAR

2. Fazer cessar o estado de inactividade de certas coisas (ex.: os comerciantes já abriram as lojas).

3. Desunir, alargar (ex.: abram alas).

4. Fazer funcionar ou circular (ex.: hoje vieram abrir o gás).

5. Destapar (ex.: não abras a panela de pressão).

6. Desembrulhar ou rasgar (ex.: abre a prenda).

7. Escavar para tornar fundo (ex.: abrir um buraco). = DESATERRAR, PERFURAR

8. Tornar acessível (ex.: abriram a estrada). = DESIMPEDIR, DESOBSTRUIR

9. Dar início a (ex.: o professor convidado abrirá a conferência). = COMEÇAR, INICIARENCERRAR

10. Dar uma oportunidade de (ex.: isto abre novas perspectivas). = PROPORCIONAR

11. Desapertar botões ou fecho (ex.: abriu o casaco). = DESAPERTARFECHAR

12. Gravar (ex.: abrir um entalhe).


verbo intransitivo

13. Cessar de estar fechado (ex.: a loja abre às 15h).

14. Deixar entrar; não impedir a acesso por uma porta (ex.: bati à porta e foi o miúdo que abriu).

15. Rachar-se (ex.: a parede está a abrir).

16. Desanuviar-se (ex.: a tarde vai abrir).

17. Ter início (ex.: a época da caça já abriu). = COMEÇAR, PRINCIPIAR


verbo pronominal

18. Deixar de estar fechado (ex.: as rosas ainda não se abriram).

19. Revelar os seus sentimentos (ex.: abre-te comigo). = DESABAFARFECHAR-SE

20. Abrir fenda (ex.: o muro está a abrir-se). = FENDER-SE

21. Estender-se (ex.: o airbag abriu-se com o embate).

22. [Portugal, Informal] [Portugal, Informal] Soltar ventosidades pelo ânus. = PEIDAR-SE


a abrir

[Portugal, Informal] [Portugal, Informal] A grande velocidade (ex.: ele conduz sempre a abrir).

etimologiaOrigem etimológica:latim aperio, -ire.

Auxiliares de tradução

Traduzir "aberto" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



A palavra moral é classificada como masculina ou feminina?
Tal como pode verificar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, a palavra moral é usada como masculina e como feminina, consoante o seu significado.

Enquanto substantivo, designando “estado de espírito, disposição”, a palavra moral é do género masculino: “É preciso levantar o moral dos jogadores!”. Nos restantes sentidos mencionados no Dicionário Priberam – “conjunto de costumes, regras”; “ética”; “lição, ensinamento” – o substantivo moral é do género feminino: “De acordo com a moral e os bons costumes.”; “Escreveu um artigo sobre os princípios da moral kantiana.”; “Qual é a moral da história dos Três Porquinhos?”.

Enquanto adjectivo, a palavra moral (= relativo aos costumes, à ética) é usada quer com nomes (substantivos) masculinos, quer com nomes femininos: “Temos o dever moral de ajudar os outros.”, “Há normas morais que é preciso cumprir.”.




A palavra perfuctório pode ser flexionada como? Perfunctoriedade, perfunctoricismo ou perfunctorabilidade? Ou seja, existe como flexioná-la?
A forma correcta é perfunctório, como pode verificar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa. Esse adjectivo flexiona em género (perfunctório, perfunctória) e número (perfunctórios, perfunctórias). As formas perfunctoriedade, perfunctoricismo e perfunctorabilidade que refere não são flexões de perfunctório, mas sim possíveis derivações nominais. Dessas, nenhuma se encontra registada nos dicionários de língua portuguesa por nós consultados e apenas a primeira, perfunctoriedade, tem ocorrências em motores de pesquisa da Internet. Ainda que essa palavra não se encontre averbada, a sua utilização é possível, uma vez que se apresenta correctamente formada, resultando da aposição do sufixo -edade ao adjectivo perfunctório, a par do que acontece na derivação obrigatório > obrigatoriedade. Este sufixo surge geralmente na formação de substantivos a partir de adjectivos, exprimindo a noção de "qualidade, característica”, pelo que perfunctoriedade pode significar “qualidade do que é perfunctório”.