Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

mal-amanhado

mal-amanhadomal-amanhado | adj.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

mal·-a·ma·nha·do mal·-a·ma·nha·do


(mal- + amanhado)
adjectivo
adjetivo

1. [Informal]   [Informal]  Que tem má apresentação ou que não foi bem executado. = MALFEITO, MALPREPARADO, TOSCO

2. [Informal]   [Informal]  Que se veste de modo desajeitado ou deselegante. = DESALINHADO, MALVESTIDO


SinónimoSinônimo Geral: MAL-ENJORCADO

Plural: mal-amanhados.Plural: mal-amanhados.
pub

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

campo mal-amanhado de subdesenvolvimento cultural. Acentue-se: Província que é muito desprezada e malvista na grande metrópole e, sobremodo, enfada os “inteligentes” fiéis das “capelinhas” dispersas pelas avenidas novas da alfacinha cidade… 02 - Há dias, Saraiva voltou a sair da casca com um artigo que

Em A Quinta Lusitana

seguradora, que com isso ajusta o que se paga por seguros de saúde ou de vida? Other Regimes Will Hijack Planes Too : Do precedente aberto pela Bielorússia, que manipulou as regras aeronáuticas internacionais para, recorrendo a um subterfúgio mal amanhado e um Mig-29 para reforçar, desviar um avião comercial

Em intergalacticrobot

percebeu, o que ele queria dizer, com esse trocadilho mal-amanhado , era que a ponte da Arrábida, por ser tão bonita, “dava raiva aos de Lisboa” — sendo óbvio que me considerava um desses “mouros” que os portuenses identificam pela “pinta”, como nós fazemos em relação aos estrangeiros. NESSA altura, e como

Em sorumb

. Nem Red, e muito menos Sorcha, nem sequer Simon, têm qualquer influência no que aconteceu a Bran. Não era preciso pôr Red a assumir culpa que não tem ao serviço de um enredo mal amanhado . Havia outras maneiras de chegar ao mesmo objectivo. Desta forma, Bran também me pareceu um idiota misógino que se

Em Gotika

. A LÍNGUA PORTUGUESA QUE SE FODA Que me perdoe o dr. LUÍS AGUIAR-CONRARIA este plágio mal amanhado . Apetece-me ser insuportável e dizer mal , muito mal . Ontem a votação final do Festival da Canção em Portugal acabou com três apresentadores apatetados a vibrar a vitória num festival português com

Em a peida é um regalo ... do nariz a gente trata
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Qual das seguintes frases está incorrecta? Queria um copo de água com gelo; Encomendei um colete em seda vermelha ou Vou comprar uma caixa de fósforos.
Do ponto de vista linguístico, nenhuma das frases está incorrecta, pois a preposição de pode ser usada para indicar conteúdo (ex.: copo de água, caixa de fósforos) e a preposição em pode ser usada para indicar matéria (ex.: colete em seda). A informação sobre o uso das preposições nestas expressões pode ser encontrada em obras de referência para o português, nomeadamente em dicionários gerais de língua como o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa (Lisboa: Editorial Verbo, 2001) ou o Grande Dicionário Língua Portuguesa (Porto: Porto Editora, 2004). Alguns autores, porém, consideram inadequado o uso da preposição em para expressões que indicam matéria, alegando que se trata de galicismo.



É indiferente a utilização indistinta dos verbos levantar e alevantar, rebentar e arrebentar?
As palavras que referiu são sinónimas duas a duas (alevantar = levantar, arrebentar = rebentar), sendo as formas iniciadas por a- variantes formadas pela adjunção do prefixo protético a-, sem qualquer alteração de sentido. A estas palavras podem juntar-se outros pares, como ajuntar/juntar, amostrar/mostrar, arrecuar/recuar, assoprar/soprar, ateimar/teimar, etc.

As formas com o elemento protético a- são geralmente consideradas mais informais ou características do discurso oral, devendo por isso ser evitadas em contextos que requerem alguma formalidade ou em que se quer evitar formas menos consensuais.

Apesar deste facto, não podemos fazer uma generalização destes casos para o uso do prefixo, uma vez que o prefixo a- pode ter outros valores, como os de aproximação, mudança (ex.: abaixo < a- + baixo, acertar < a- + certo + -ar) ou de privação, negação (ex.: atemporal < a- + temporal, assexuado < a- + sexuado), em que já não se trata de variação, mas de derivação.

pub

Palavra do dia

pi·chor·ra |ô|pi·chor·ra |ô|


(picho + -orra)
nome feminino

1. Pichel com bico.

2. [Portugal: Beira]   [Portugal: Beira]  Pequena cântara de barro branco, com bico.

3. [Brasil]   [Brasil]  Jogo em que os intervenientes tentam partir, de olhos vendados e com um pau, um recipiente cheio de guloseimas e prendas, pendurado acima das suas cabeças. = PINHATA

4. [Brasil]   [Brasil]  Recipiente que se enche de guloseimas e prendas, usado nesse jogo. = PINHATA

5. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Fêmea do cavalo. = ÉGUA

6. [Brasil: São Paulo]   [Brasil: São Paulo]  Falta de força ou de estímulo para agir. = INDOLÊNCIA, LASSIDÃO, PREGUIÇA

adjectivo de dois géneros e nome de dois géneros
adjetivo de dois géneros e nome de dois géneros

7. [Brasil: São Paulo]   [Brasil: São Paulo]  Que ou quem mostra medo ou falta de coragem. = COBARDE, MEDROSO, POLTRÃOCORAJOSO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/mal-amanhado [consultado em 20-10-2021]