Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
lápislápis | s. m. 2 núm.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

lá·pis lá·pis
(italiano lapis, do latim lapis, -idis, pedra)
substantivo masculino de dois números

1. Artefacto, geralmente de madeira, cilíndrico, comprido e fino, cujo interior contém uma barra de grafite para escrever ou desenhar (ex.: para a prova de desenho, é preciso levar papel, lápis e borracha).Ver imagem

2. Substância mineral negra que compõe o interior desse artefacto. = GRAFITE, PLUMBAGINA

3. Objecto cilíndrico, geralmente composto de uma substância medicamentosa ou cosmética (ex.: lápis de contorno para lábios).

4. Desenho ou obra artística feita com esse artefacto.

5. Pessoa que desenha ou cria obra de arte com esse artefacto.

6. Instrumento com cuja ponta, em forma desse artefacto, se faz alguma operação.


lápis de cera
[Portugal]   [Portugal]  Cilindro de cera ou parafina e pigmentos variados, fácil de manusear e que produz um traço colorido grosso. (Equivalente no português do Brasil: giz de cera).

lápis de cor
Aquele cuja mina contém pigmentos e que produz um traço colorido.

pub

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


A palavra factibilidade existe?
A palavra factibilidade designa a qualidade daquilo que pode ser feito, do que é factível. Esta palavra segue as regras de boa formação no português, como a maioria das palavras que designam a qualidade de um adjectivo terminado em -vel, sendo nestes casos a palavra formada directamente a partir do latim ou a partir de uma forma alatinada do adjectivo (em que se substituiu o sufixo -vel por -bili-) seguida do sufixo -dade.



Já percebi que, com a entrada em vigor do acordo ortográfico de 1990, os nomes dos meses e das estações do ano passarão a ser escritos em minúsculas. O que eu não percebi é a razão dessa alteração. Alguém me pode esclarecer? Diga-se de passagem que também nunca percebi porque é que, desde o acordo ortográfico de 1945, os nomes dos dias da semana passaram a ser escritos com minúsculas... Será pela mesma razão?
O uso de maiúsculas está integrado num conjunto de regras ortográficas convencionadas. Neste caso, os nomes de meses e estações do ano passaram a ser considerados nomes comuns com o Acordo Ortográfico de 1990, atendendo ao seu paradigma morfológico e à aproximação ao paradigma dos dias da semana.

Relativamente aos nomes dos dias da semana e da sua grafia com minúscula já segundo o Acordo Ortográfico de 1945, Rebelo Gonçalves (Tratado de Ortografia da Língua Portuguesa, Coimbra: Atlântida Livraria Editora, 1947, p. 301) referia como único argumento que “ao contrário dos demais cronónimos, os nomes dos dias da semana escrevem-se, em obediência à tradição, com minúscula inicial”, o que não é minimamente esclarecedor, mas nos elucida sobre o tipo de lógica subjacente às convenções ortográficas.

pub

Palavra do dia

ol·fac·tó·ri·o |àt| ou |àct| ol·fa·tó·ri·o |àt| ou ol·fac·tó·ri·o |àct| ol·fa·tó·ri·o |àt|
(olfacto + -ório)
adjectivo
adjetivo

Relativo ao olfacto (ex.: órgão olfactório). = OLFACTIVO


• Dupla grafia pelo Acordo Ortográfico de 1990: olfatório ou olfactório.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: olfactório.


• Grafia no Brasil: olfatório.

• Grafia em Portugal: olfactório.
pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/l%C3%A1pis [consultado em 23-10-2019]