PT
BR
Pesquisar
Definições



conhecerdes

A forma conhecerdespode ser [segunda pessoa plural do futuro do conjuntivo de conhecerconhecer] ou [segunda pessoa plural infinitivo flexionado de conhecerconhecer].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
conhecerconhecer
|cê| |cê|
( co·nhe·cer

co·nhe·cer

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Ter conhecimento de.

2. Ter noção de, saber.

3. Ter relações com.

4. Saber quem (alguém) é.

5. Estar convencido de.

6. Distinguir.

7. Ver.

8. Ter indícios certos.

9. [Pouco usado] [Pouco usado] Ter relações sexuais.


verbo intransitivo

10. Tomar conhecimento.

11. Averiguar.


verbo pronominal

12. Ter perfeito conhecimento de si próprio, dos próprios méritos, do carácter próprio.

etimologiaOrigem etimológica:latim cognosco, -ere.

Auxiliares de tradução

Traduzir "conhecerdes" para: Espanhol Francês Inglês

Anagramas



Dúvidas linguísticas



Pode-se utilizar a palavra exigencial? Ex.: selecção exigencial de componentes.
Apesar de o adjectivo exigencial não se encontrar registado em nenhum dos dicionários e vocabulários de língua portuguesa à nossa disposição, ele encontra-se bem formado a partir da aposição do sufixo -al ao substantivo exigência, pelo que o seu uso é possível e até muito frequente, como o revelam pesquisas em corpora e em motores de busca da Internet, especialmente em contextos relativos às áreas da construção e da engenharia civil, com o significado “que é relativo a ou que envolve uma exigência” (ex.: fizeram uma selecção exigencial dos novos materiais).



Qual a forma verbal correcta nestas duas frases: "Trata-se ou Tratam-se de pessoas que não sabem o que fazem"?
A frase correcta é Trata-se de pessoas que não sabem o que fazem.

Neste exemplo, o verbo tratar tem um sentido próximo de “ser”, sendo indissociável do clítico se e da preposição de. A construção tratar-se de funciona como um verbo impessoal, i.e., utiliza-se apenas na 3.ª pessoa do singular, dado que é usada em frases sem sujeito. A frase *Tratam-se de pessoas que não sabem o que fazem é agramatical (como indica o asterisco) porque o sintagma pessoas que não sabem o que fazem, com o qual o verbo concorda, é erradamente considerado o sujeito da frase.

A construção acima descrita não deve ser confundida com o predicado verbal da frase Eles tratam-se da doença numa clínica suíça. Neste caso, o verbo tratar é usado na acepção de “curar” e concorda com o sujeito da frase (Eles).