Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
derivação fem. sing. de botabota
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

bo·ta |ó| bo·ta |ó|
substantivo feminino

1. Calçado que envolve o pé e parte da perna.Ver imagem

2. [Desporto]   [Esporte]  Chuteira.

3. [Informal]   [Informal]  Dificuldade.

4. [Pouco usado]   [Pouco usado]  Borracha de vinho, saco de couro.

5. [Figurado]   [Figurado]  Mentirola, tolice, asneira.

6. Pessoa estúpida.

7. Trabalho ruim.

8. [Brasil, Popular]   [Brasil, Popular]  Coisa ruim, malfeita.


bater a(s) bota(s)
[Informal]   [Informal]  Morrer.

bota à Frederico
Bota fina de água.

bota atacada
Borzeguim.

bota de água
Bota impermeável, geralmente de cano alto.Ver imagem

botas joelheiras
Botas de montar.

descalçar a/aquela/essa/esta/uma bota
[Informal]   [Informal]  Sair de uma situação complicada; resolver uma dificuldade.

deu uma grande bota
Cometeu um grande erro.

engraxar as botas de alguém
Bajular.

lamber as botas de alguém
Lisonjear demasiadamente.

não bater a bota com a perdigota
[Informal]   [Informal]  Haver diferenças ou desencontros; não dar ou não estar certo.

não dar a bota com a perdigota
[Informal]   [Informal]  O mesmo que não bater a bota com a perdigota.

pub

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Num texto em que se usa a abreviatura de uma divisa (por exemplo, EUR ou USD), é correcto escrever "30 EUR" ou, pelo contrário, deve utilizar-se "EUR 30"? E deve ser "30 €" ou "€ 30"?
A ortografia é a única área da língua em que há uma regulamentação através de textos legais.

Esta dúvida não diz directamente respeito à ortografia, mas à representação convencionada de valores monetários, nomeadamente através do recurso ao código das moedas ou de abreviaturas ou símbolos. À partida, parece lógico que se coloque o código ou o símbolo da moeda depois do montante (ex.: 30 EUR ou 30 €), não havendo qualquer motivo para colocar o código ou o símbolo da moeda antes (ex.: EUR 30 ou € 30), a não ser por analogia com o inglês, onde essa é a prática mais corrente.

Estas opções não são obrigatórias, mas constituem frequentemente objecto de directrizes em livros ou manuais de estilo de órgãos de comunicação ou instituições. A título de exemplo, veja-se a recomendação do Código de Redacção Interinstitucional da União Europeia (ver http://publications.europa.eu/code/pt/pt-370303.htm): "O código EUR ou o símbolo colocam-se depois do montante, separado por um espaço: um total de 30 EUR", com a observação de que "esta regra aplica-se à maior parte das línguas, excepto inglês, letão e maltês, onde o código aparece antes do número: an amount of EUR 30".




A palavra "bué" foi ou não aceite na Língua Portuguesa?
Não há nenhuma instituição ou entidade que possa aceitar ou não uma palavra na língua ou determinar o que é aceite. A partir do momento em que uma palavra é utilizada, sobretudo por um número elevado de falantes e com larga difusão geográfica, passa a ser um facto linguístico e cabe ao utilizador da língua decidir acerca da sua utilização ou não, consoante o seu conhecimento linguístico, a situação em que se encontra e o uso próprio que ele faz da língua. Mesmo os chamados erros ou o desrespeito por determinadas regras não deixam de ser factos linguísticos e de fazer parte da língua; se o falante tiver conhecimento de que se trata de um erro, pode é optar por o utilizar ou não.

Em relação à palavra bué, não é de um erro que se trata, mas de um advérbio e pronome que faz parte de um registo mais informal da língua, muitas vezes denominado calão, mas cujas fronteiras são difíceis de definir. Como outras palavras deste nível de língua, é considerado normal ou seu uso em contextos informais, sendo desaconselhado ou desadequado em situações mais formais.

A eventual dicionarização de palavras de nível informal (o registo de bué no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa em 2001 foi, de alguma forma, polémico) não torna uma palavra aceite ou não, pois faz parte do conhecimento linguístico dos falantes saber em que situação usar determinado nível de língua. O uso de níveis de língua diferentes está relacionado com o conhecimento das situações de comunicação e dos códigos de conduta social, que passa também pela utilização da língua (um exemplo claro deste conhecimento é o uso dos chamados palavrões, ou tabuísmos, cuja utilização em determinadas situações é considerada altamente reprovável).


pub

Palavra do dia

do·li·na do·li·na
(russo dolina, vale, planície)
substantivo feminino

[Geologia]   [Geologia]  Depressão circular, geralmente em terrenos calcários cársicos, que resulta da dissolução química das rochas ou de erosão subterrânea.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/botita [consultado em 13-10-2019]