PT
BR
Pesquisar
Definições



armado

A forma armadopode ser [masculino singular particípio passado de armararmar], [adjectivoadjetivo] ou [nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
armadoarmado
( ar·ma·do

ar·ma·do

)


adjectivoadjetivo

1. Que tem arma ou está munido de arma.

2. Aparelhado para servir.

3. Acautelado.


nome masculino

4. [Brasil] [Brasil] [Ictiologia] [Ictiologia] Designação dada a vários peixes teleósteos siluriformes, da família dos doradídeos, em especial do género Oxydoras. = CUIÚ-CUIÚ, FOCINHO-DE-PORCO

5. [Brasil] [Brasil] [Ictiologia] [Ictiologia] Peixe (Pterodoras granulosus) da família dos doradídeos, com três pares de barbilhões e cujo corpo é coberto lateralmente por placas ósseas, encontrado em rios da América do Sul. = ABOTOADO, ARMAU, CUIÚ-CUIÚ

etimologiaOrigem etimológica:particípio de armar.
armararmar
( ar·mar

ar·mar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Prover de armas.

2. Prover do necessário para se defender.

3. Preparar para a guerra.

4. Preparar (para servir a determinado fim).

5. Deixar aparelho ou dispositivo pronto para funcionar (ex.: armar um mecanismo).DESARMAR

6. Aparelhar.

7. Pôr, dispor.

8. Alistar, equipar.

9. Maquinar; traçar.

10. Fortalecer.

11. Pôr armação em.

12. Acautelar.

13. [Portugal: Beira] [Portugal: Beira] Cuquear, cornear.


verbo intransitivo

14. [Marinha] [Marinha] Ter mastreação e velame.

15. Dispor armadilha. = QUADRAR

16. Fazer preparativos de guerra.


verbo pronominal

17. Abastecer-se de armas. = MUNIR-SE

18. Preparar-se para determinado acontecimento ou para determinada acção. = PRECAVER-SE, PREMUNIR-SE

19. Querer aparentar o que não é (ex.: ele gosta de se armar em conhecedor). = FINGIR-SE

etimologiaOrigem etimológica:latim armo, -are.
Confrontar: aramar.

Auxiliares de tradução

Traduzir "armado" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Peço auxílio para a composição de palavras com prefixos gregos e latinos. Quando são em justaposição e quando são em aglutinação? Minha dúvida neste momento é com a palavra intra + esclerótico.
A existência ou não de hífen depois de prefixos gregos e latinos é difícil de sistematizar em poucas linhas, pois isso difere consoante os prefixos (há até divergências ligeiras entre a norma europeia e a norma brasileira do português, por serem diferentes as obras de maior referência neste aspecto).

No caso de intra- (este caso aplica-se também aos prefixos contra-, extra-, infra-, supra- e ultra-), de acordo com a Base XXIX do Acordo Ortográfico de 1945, deve usar-se hífen antes de palavras iniciadas por vogal (ex.: intra-arterial, intra-ocular), h (ex.: intra-hepático), r (ex.: intra-raquidiano) ou s (ex.: intra-sinovial). Assim sendo, deve escrever-se intra-esclerótico segundo o Acordo Ortográfico de 1945, para o português de Portugal, ou o Formulário Ortográfico de 1943, para o português do Brasil.

Com a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990, e segundo a Base XVI, o prefixo intra- (assim como todos os prefixos ou elementos prefixais com o mesmo contexto ortográfico, isto é, terminados na letra a) deve aglutinar-se sempre com o elemento seguinte (ex.: intraocular), excepto se este começar por a (ex.: intra-arterial) ou h (ex.: intra-hepático). No caso de o elemento seguinte começar por r ou s, essas consoantes devem ser dobradas (ex.: intrarraquidiano, intrassinovial). Assim sendo, deve escrever-se intraesclerótico segundo o Acordo Ortográfico de 1990.




Enfim, hão-de haver outros candidatos. Está correcta?
A frase que refere está incorrecta, pois o verbo haver, no sentido de "existir", é impessoal, pelo que a frase correcta deverá ser Enfim, há-de haver outros candidatos.