PT
BR
Pesquisar
Definições



Pesquisa nas Definições por:

consenso

Com o consenso de todos (ex.: foi designado para o cargo omnium consensu)....


escol | n. m.

Aquilo que é melhor dentro de um grupo de pessoas ou de coisas (ex.: consenso entre alguns académicos de escol)....


Opinião que não reconhece outra autoridade senão o consenso universal....


Diálogo ou discussão entre o governo, as organizações sindicais e as organizações empresariais sobre assuntos sociais e laborais, com o objectivo de estabelecer acordos ou consensos....


Princípio que exige o consenso das partes para sustentar um contrato....


dissensão | n. f.

Acto ou efeito de dissentir....


dissenso | n. m.

Acto ou efeito de dissentir....


árbitro | n. m. | adj.

O que resolve litígios por consenso das partes....


consenso | n. m.

Conformidade de juízos, opiniões ou sentimentos, relativamente a algo ou a alguém, por parte da maioria ou da totalidade dos membros de um conjunto de indivíduos (ex.: a votação do regulamento foi adiada por falta de consenso quanto ao texto final)....


consensuar | v. tr.

Procurar consenso ou concordância (ex.: os líderes tiveram de consensuar a sua acção)....


consensualizar | v. tr. e pron.

Tornar ou tornar-se consensual; pôr ou ficar em consenso ou em concordância (ex.: os dois partidos consensualizaram a necessidade de reformas; as duas partes consensualizaram-se)....


jamais | adv.

Em tempo algum; em nenhum momento (ex.: jamais houve ou haverá consenso relativamente a esse tema; não compreenderemos jamais tamanho egoísmo)....


brecha | n. f.

Distância, geralmente resultante de falta de união ou de consenso....



Dúvidas linguísticas



Gostava de saber o grau superlativo absoluto sintético das seguintes palavras: velho, esperto, forte e mau.
Os adjectivos velho, esperto, forte e mau flexionam no grau superlativo absoluto sintético como velhíssimo, espertíssimo, fortíssimo e malíssimo/péssimo, respectivamente.



Numa pesquisa no Google, encontrei várias vezes a expressão "há espera", por exemplo: "torneios há espera de concorrentes". É correcto dizer "há espera"? Não será "à espera"?
No contexto que refere, deverá ser utilizada a locução prepositiva à espera de, que significa “aguardando por” (torneios à espera de concorrentes) e que poderá encontrar registada, por exemplo, no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, que também regista a locução adverbial à espera (Ex.: os doentes já estão à espera há muito tempo). Esta locução tem estrutura semelhante a muitas outras locuções prepositivas em português (contracção da preposição a com o artigo definido a seguida de substantivo feminino e da preposição de), como, por exemplo, à beira de, à conta de, à disposição de, à frente de. A expressão há espera poderá apenas ser usada em contextos onde se pretenda dizer que "existe uma espera" (ex.: nos acessos à ponte há espera prolongada).

Ver todas