Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

Julgarem

3ª pess. pl. fut. conj. de julgarjulgar
3ª pess. pl. infinitivo flexionado de julgarjulgar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

jul·gar jul·gar

- ConjugarConjugar

verbo transitivo

1. Proceder ao exame da causa de.

2. Decidir (como juiz, árbitro, etc.).

3. Sentenciar.

4. Formar juízo acerca de.

5. Imaginar.

6. Crer, supor.

7. Ter na conta de.

verbo intransitivo

8. Pronunciar sentença.

9. Formar conceito.

verbo pronominal

10. Ser juiz de si mesmo; avaliar-se; crer-se.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "Julgarem" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

a julgarem -se uns aos outros encoraja a criminalidade judicial..

Em portugal contempor

desaparecimento e demais informações que as autoridades julgarem necessárias..

Em Caderno B

tinham pedido escusa para não julgarem processos em que o inspector Marcolino era parte com medo de represálias nas suas...

Em portugal contempor

Garanto que resolvem logo, por que certas instituições privadas, apesar de se julgarem

Em www.ultraperiferias.pt

...então e cedo justificou o prematuro feito pela forma como iludia os adversários a julgarem ser possível adivinhar as suas intenções..

Em O INDEFECTÍVEL
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Por gentileza, qual o antônimo de cordial?
De acordo com o Dicionário Houaiss de Sinónimos e Antónimos, os antónimos do adjectivo cordial podem ser frio, indiferente, seco (ex.: teve uma atitude cordialteve uma atitude indiferente); desrespeitoso (ex.: as relações entre eles são cordiaisas relações entre eles são desrespeitosas); antipático, descortês, deseducado e grosseiro (ex.: os empregados daquela loja são cordiaisos empregados daquela loja são antipáticos). Os antónimos de cordial não se esgotam nesta lista, mas são estes os mais comuns para os diferentes sentidos deste adjectivo.



Qual a frase correcta e porquê?
1 - Não tens nada a ver com isso.
2 - Não tens nada a haver com isso.
Apesar de a frase 1 ser, estatística e semanticamente, a mais provável, nenhuma das frases está incorrecta. Na frase 1 a locução ter a ver com significa "estar relacionado" ou "dizer respeito" (ex.: essa questão não tem nada a ver com a empresa). Na frase 2 a locução ter a haver, muito mais rara, significa "ter a receber" ou “ficar na posse de algo” (ex.: não tenho nada a haver deles mas também não lhes devo nada).

A semelhança fonética entre as duas locuções acima explicitadas está na origem desta dúvida, comum a muitos falantes de português. No entanto, na estrutura tu não tens nada a _____ [ver/haver] com isso, é altamente provável que a intenção seja a de indicar que o assunto de que se está a falar [isso] não diz respeito ao interlocutor, pelo que, nesse caso, a única forma correcta de transmitir esse significado é através da locução ter a ver com, tal como ela é usada na frase 1.

pub

Palavra do dia

pa·ra·de·ar pa·ra·de·ar


(parada + -ear)
verbo transitivo

1. Dispor em parada.

verbo intransitivo

2. [Brasil: Rio Grande do Sul]   [Brasil: Rio Grande do Sul]  Alardear valentias falsas ou exageradas; mostrar-se fanfarrão ou presunçoso. = FANFARREAR, FANFARRONAR, POMADEAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/Julgarem [consultado em 26-11-2022]