Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

omita

1ª pess. sing. pres. conj. de omitiromitir
3ª pess. sing. imp. de omitiromitir
3ª pess. sing. pres. conj. de omitiromitir
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

o·mi·tir o·mi·tir

- ConjugarConjugar

verbo transitivo

1. Preterir; esquecer; postergar; olvidar.

2. Deixar de fazer ou dizer.

3. Deixar de lado, passar em claro.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "omita" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

...tem, por força de lei, o poder de mandar prender testemunha que minta ou omita durante um depoimento..

Em VARAL de IDÉIAS

Diga-lhe tudo o que viu e ouviu, nada omita …” O prelado viu não somente as rosas, mas o

Em Blog da Sagrada Família

Caso não responda ou omita informações, o presidente Bolsonaro poderá incorrer em crime de responsabilidade..

Em www.sganoticias.com.br

...Estado recorda que a medida não foi aprovada em Maio de 2018 — embora omita que foi por cinco votos de diferença —, e considera que os partidos que...

Em www.ultraperiferias.pt

...do ponto de vista da atuação jurídica” que não indica nem concretiza — e omita as 11 derrotas quase

Em portadaloja
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Qual é a diferença entre as palavras benvindo e bem-vindo?
A palavra Benvindo (ou o feminino Benvinda) corresponde apenas a um nome próprio (ex.: o Benvindo já chegou a casa.). A palavra bem-vindo (e as suas flexões bem-vinda, bem-vindos, bem-vindas) corresponde ao adjectivo com o significado de ‘aceite, recebido ou acolhido com agrado, satisfação ou prazer’ (ex.: sentiu-se bem-vindo. aquela notícia não era bem-vinda. sejam muito bem-vindos a minha casa).



Diz-se "vendem-se casas" ou "vende-se casas"?
Do ponto de vista exclusivamente linguístico, nenhuma das duas expressões pode ser considerada incorrecta.

Na frase Vendem-se casas, o sujeito é casas e o verbo, seguido de um pronome se apassivante, concorda com o sujeito. Esta frase é equivalente a casas são vendidas.

Na frase Vende-se casas, o sujeito indeterminado está representado pelo pronome pessoal se, com o qual o verbo concorda. Esta frase é equivalente a alguém vende casas.

Esta segunda estrutura está correcta e é equivalente a outras estruturas muito frequentes na língua com um sujeito indeterminado (ex.: não se come mal naquele restaurante; trabalhou-se pouco esta semana), apesar de ser desaconselhada por alguns gramáticos, sem contudo haver argumentos sólidos para tal condenação. Veja-se, por exemplo, a Nova Gramática do Português Contemporâneo, de Celso CUNHA e Lindley CINTRA [Edições Sá da Costa, 1984, 14ª ed., pp. 308-309], onde se pode ler “Em frases do tipo: Vendem-se casas. Compram-se móveis. considera-se casas e móveis os sujeitos das formas verbais vendem e compram, razão por que na linguagem cuidada se evita deixar o verbo no singular”.

pub

Palavra do dia

del·tai·co del·tai·co


(delta + -aico)
adjectivo
adjetivo

Relativo a um delta (ex.: depósitos deltaicos; região deltaica).

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/omita [consultado em 06-12-2021]