Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
governogoverno | s. m.
1ª pess. sing. pres. ind. de governargovernar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

go·ver·no |ê| go·ver·no |ê|
(derivação regressiva de governar)
substantivo masculino

1. Acto ou efeito de governar.

2. Regência.

3. Direcção, administração.

4. Poder ou colectividade que dirige um Estado.

5. Poder executivo, ministério.

6. Território em que o governo é exercido.

7. Tempo durante o qual os governantes exercem o seu cargo.

8. [Figurado]   [Figurado]  Economia, ordem.

9. Arranjo.

10. Regra, norma.

11. Procedimento.

12. Rédeas e freio do cavalo.

13. [Marinha]   [Marinha]  Leme do navio.

14. [Marnotagem]   [Marnotagem]  Depósito geral das águas das salinas.

15. [Marnotagem]   [Marnotagem]  Comporta entre os reservatórios das salinas.


governo representativo
Aquele em que os deputados, eleitos pelo povo, concorrem para a feitura das leis.

olhar contra o governo
[Informal]   [Informal]  Ser estrábico.


go·ver·nar go·ver·nar - ConjugarConjugar
(latim guberno, -are, pilotar um navio, dirigir, conduzir)
verbo transitivo

1. Ter a seu cargo ou exercer o governo de.

2. Dirigir; imperar em.

3. Dirigir (embarcação), com o leme. = PILOTAR

verbo intransitivo

4. Dirigir-se; exercer governo.

verbo pronominal

5. Dirigir os seus negócios; tratar dos seus interesses. = ARRANJAR-SE

6. Fazer bons interesses.

7. Proceder; regular-se.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "governo" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Pergunta-se: Desculpe esse lugar é livre? ou está livre? Diz-se: O exercício é correcto ou está correcto?
Nas frases apontadas, aparentemente, deverá utilizar o verbo estar, pois trata-se, em ambos os casos, de uma qualidade ou estado não definitivo (ex.: esse lugar está livre, mas estará ocupado daqui a pouco; o exercício agora está certo, mas estava errado antes da correcção).

Num contexto específico, o primeiro exemplo poderá estar correcto com o verbo ser (ex.: esse lugar é livre [= não é um lugar reservado a ninguém] e poderá ser ocupado por qualquer pessoa).




Gostaria de saber se o feminino de anjo é anja e se está certo.
Não entrando na questão do sexo dos anjos (serão ou não seres assexuados?), a palavra anjo é um substantivo sobrecomum, isto é, tem um só género gramatical (é masculina: o anjo era bonito) mas designa indivíduos de ambos os sexos, não apresentando por isso uma forma feminina *anja.

O mesmo se passa, aliás, com os substantivos femininos pessoa, testemunha ou vítima, por exemplo, que designam ambos os sexos, não existindo as formas masculinas *pessoo ou *vítimo e correspondendo testemunho a outro significado, que não o feminino de testemunha.

Nestes casos, quando se quer discriminar o sexo do indivíduo, usa-se uma expressão como a pessoa do sexo feminino, a testemuna masculina, a vítima do sexo masculino. O mesmo se poderá fazer no caso de anjo: o anjo do sexo feminino.

pub

Palavra do dia

si·co·fan·ta si·co·fan·ta
(grego sukofántes, -ou)
substantivo de dois géneros

1. Pessoa que acusa ou denuncia. = ACUSADOR, DELATOR, DENUNCIANTE

2. Pessoa que dá ou inventa informações falsas. = CALUNIADOR, DIFAMADOR, MENTIROSO

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/governo [consultado em 10-12-2018]