Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
| adv. | conj. coord.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!


(latim jam)
advérbio

1. Neste instante (ex.: saia já daqui!). = AGORA, IMEDIATAMENTE

2. De antemão (ex.: já sabiam da novidade?).

3. Tão depressa (ex.: a situação não muda já, vai ser preciso esperar).

4. Usa-se repetido, para indicar pedido imediato ou que algo se vai passar imediatamente, sem demora, no mesmo instante (ex.: quero isso feito já, já; ele vai ao médico já, já).

conjunção coordenativa

5. Emprega-se como conjunção coordenativa disjuntiva, no início de duas frases seguidas ou de dois constituintes de frase seguidos, indicando alternativa (ex.: o governo parecia muito instável, já os ministros pareciam unidos, já daí a pouco ameaçavam demissão). = ORA, OU, QUER

6. Emprega-se como conjunção coordenativa aditiva, no início de duas frases seguidas ou de dois constituintes de frase seguidos (ex.: é um destino turístico muito interessante, já por ter uma costa belíssima, já por haver montanhas para explorar; o trabalho é muito interessante, já no conteúdo e já na forma escolhida para o apresentar). = OU, QUER


já agora
Já que chegamos a este ponto; a propósito.

já que
Introduz uma expressão de causa (ex.: tentamos novamente amanhã, já que hoje parece impossível). = COMO, DADO QUE, UMA VEZ QUE, VISTO QUE

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "já" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Não será a palavra revivalismo portuguesa? Porque não existe no dicionário? Será um estrangeirismo? Mas quantos não foram já "absorvidos" por tão correntes no português escrito e falado?
A palavra revivalismo, apesar de não se encontrar na nomenclatura do Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, encontra-se registada noutros dicionários de língua portuguesa como, por exemplo, o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea (Academia das Ciências de Lisboa/Verbo, Lisboa, 2001). Deriva da palavra inglesa revivalism e refere-se ao ressurgimento de ideias, modas ou tendências que fizeram parte do passado.



Qual a forma verbal correcta nestas duas frases: "Trata-se ou Tratam-se de pessoas que não sabem o que fazem"?
A frase correcta é Trata-se de pessoas que não sabem o que fazem.

Neste exemplo, o verbo tratar tem um sentido próximo de “ser”, sendo indissociável do clítico se e da preposição de. A construção tratar-se de funciona como um verbo impessoal, i.e., utiliza-se apenas na 3.ª pessoa do singular, dado que é usada em frases sem sujeito. A frase *Tratam-se de pessoas que não sabem o que fazem é agramatical (como indica o asterisco) porque o sintagma pessoas que não sabem o que fazem, com o qual o verbo concorda, é erradamente considerado o sujeito da frase.

A construção acima descrita não deve ser confundida com o predicado verbal da frase Eles tratam-se da doença numa clínica suíça. Neste caso, o verbo tratar é usado na acepção de “curar” e concorda com o sujeito da frase (Eles).

pub

Palavra do dia

em·bus·te·ar em·bus·te·ar - ConjugarConjugar
(embuste + -ear)
verbo transitivo

1. Enganar com embustes.

2. Enganar, mentir, iludir.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/j%C3%A1 [consultado em 31-05-2020]