Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

estado-unidense

estado-unidenseestado-unidense | adj. 2 g. | n. 2 g.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

es·ta·do·-u·ni·den·se es·ta·do·-u·ni·den·se


(Estados Unidos [da América], topónimo + -ense)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Relativo ou pertencente aos Estados Unidos da América.

nome de dois géneros

2. Natural, habitante ou cidadão dos Estados Unidos da América.


SinónimoSinônimo Geral: ESTADUNIDENSE, NORTE-AMERICANO

Plural: estado-unidenses.Plural: estado-unidenses.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "estado-unidense" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

editor en The Review, la revista literaria más vital de Gran Bretaña, y estaba a punto de reemplazarme como crítico de poesía en el Observer. La esposa de Ian, Gisela, era una joven alemana tímida, tensa y reacia a las actividades sociales. De hecho acababa de salir del hospital, donde había estado

Em Entropía (las apostillas)

poder, assim tornado inconsequente. O modelo exporta-se, Estado a Estado , com ligeiras e apenas formais diferenças, procurando impor-se em toda a parte e em todas as condições… senão não há democracia! No modelo à moda do capital , a estrutura da sociedade é dualista. Coerente com uma ideologia binária

Em anónimo séc.xxi

importância que tem, pode afirmar-se com segurança, que o conflito na Ucrânia é apenas parte de um problema mundial que, há muito, urge por decisões que garantam a segurança alimentar dos habitantes do planeta. A propaganda já não consegue esconder os paradoxos da narrativa estado-unidense e dos seus acólitos

Em momentos

, os Estados Unidos serem a maior potência maçónica; segundo, pela circunstância de os presidentes da república estado-unidense serem detentores da condição de maçons; terceiro, por Henry Kissinger ser um dos mais influentes membros da maçonaria americana. A criatura, de refinada qualidade e

Em A Quinta Lusitana

mais paradigmático exemplo do que acabo de dizer. Está preso há vários anos e, de momento, aguarda a sua extradição para os Estados Unidos. Não, não é cidadão estado-unidense , também não é russo, tem nacionalidade australiana e o seu crime foi fazer o que compete a um jornalista: divulgar, sem opinar

Em momentos
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Monitorar ou monitorizar?
Os verbos monitorar e monitorizar são formações correctas a partir do substantivo monitor, a que se junta o sufixo verbal -ar ou -izar, e têm o mesmo significado, pelo que são sinónimos. A opção por um ou por outro cabe ao utilizador; no entanto, os dicionários que seguem a norma europeia da língua portuguesa parecem preferir a forma monitorizar, pois é esta a única forma que aparece registada no Grande Dicionário Língua Portuguesa (Porto Editora, 2004) ou no Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado (Âncora Editora, 2001) e a edição portuguesa do Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Círculo de Leitores, 2002) remete monitorar para monitorizar. Os dicionários que seguem a norma brasileira da língua portuguesa remetem geralmente monitorizar para monitorar, como é o caso da edição brasileira do Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Objetiva, 2001) ou do Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa (Positivo, 2004).



Em "Ninguém te vai agradecer", qual a função sintáctica de te? Será complemento indirecto?
O pronome pessoal te pode desempenhar função de complemento directo (ex.: vi-te ontem) ou de complemento indirecto (ex.: dei-te um beijo). No caso em apreço, o pronome te desempenha a função de complemento indirecto, uma vez que corresponde à pronominalização de uma construção do verbo agradecer como transitivo indirecto, com a preposição a (agradecer-te = agradecer a ti), podendo ocorrer com um complemento directo (ex.: ninguém te vai agradecer o favor = ninguém to vai agradecer).
Para determinar a função sintáctica deste pronome, é útil substituir a segunda pessoa gramatical (tu > te) pela terceira (ele > o/lhe), pois neste caso o complemento directo e o complemento indirecto têm formas diferentes, o para o complemento directo, lhe para o complemento indirecto (ex.: ninguém vai agradecer o favor ao rapaz > ninguém lhe vai agradecer o favor / *ninguém o vai agradecer o favor; o asterisco indica agramaticalidade).

Para dúvidas deste teor, poderá consultar uma obra como o Dicionário Gramatical de Verbos Portugueses, dirigido por João Malaca CASTELEIRO (Lisboa: Texto Editores, 2007), que contém a explicitação das funções sintácticas de cada verbo.

pub

Palavra do dia

ux·te ux·te


(origem expressiva ou onomatopaica)
interjeição

Expressão usada para afastar ou mostrar repulsa. = APRE, ARREDA, IRRA

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/estado-unidense [consultado em 25-09-2022]