Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

eras

2ª pess. sing. pret. imperf. ind. de serser
fem. pl. de eraera
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ser |ê|ser |ê|

- ConjugarConjugar

(latim sedeo, -ere, estar sentado)
verbo copulativo

1. Serve para ligar o sujeito ao predicado, por vezes sem significado pleno ou preciso (ex.: o dicionário é útil).

2. Corresponder a determinada identificação ou qualificação (ex.: ele era muito alto; ela é diplomata).

3. Consistir em.

4. Apresentar como qualidade ou característica habitual (ex.: ele é de manias; ela não é de fazer essas coisas).

5. Estar, ficar, tornar-se.

6. Exprime a realidade.

7. Acontecer, ocorrer, suceder.

8. Equivaler a determinado valor, custo ou preço (ex.: este relógio é 60€).

verbo transitivo

9. Pertencer a (ex.: o carro é do pai dele).

10. Ter como proveniência (ex.: o tapete é de Marrocos).

11. Preferir ou defender (ex.: eu sou pela abolição da pena de morte).

verbo intransitivo

12. Exprime a existência.

13. Acontecer, suceder (ex.: não sei o que seria, se vocês se fossem embora).

14. Indica o momento, o dia, a estação, o ano, a época (ex.: já é noite; são 18h00).

verbo auxiliar

15. Usa-se seguido do particípio passado, para formar a voz passiva (ex.: foram ultrapassados, tinha sido comido, fora pensado, será espalhado, seríamos enganados).

nome masculino

16. Aquilo que é, que existe. = ENTE

17. O ente humano.

18. Existência, vida.

19. O organismo, a pessoa física e moral.

20. Forma, figura.


a não ser que
Seguido de conjuntivo, introduz a condição para que algo se verifique (ex.: o atleta não pretende mudar de clube, a não ser que a proposta seja mesmo muito boa).

não poder deixar de ser
Ser necessário; ter forçosamente de ser.

não poder ser
Não ser possível.

não ser para graças
Não gostar de brincadeiras; ser valente.

o Ser dos Seres
Deus.

qual é
[Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Expressão usada para se dirigir a alguém, geralmente como provocação (ex.: qual é, vai sair da frente ou não?).

ser alguém
Ser pessoa importante e de valia.

ser com
Proteger.

ser dado a
Ter inclinação para.

ser da gema
Ser genuíno.

ser de crer
Ser crível; merecer fé.

ser humano
O homem. = HUMANO

ser pensante
O homem.

Confrontar: cer, sere.

e·ra |é|e·ra |é|


(latim aera, -ae, número, algarismo, época)
nome feminino

1. Época fixa que serve de ponto de partida para a contagem dos anos.

2. Período de tempo, geralmente longo, que corresponde a uma nova organização ou disposição das coisas. = ÉPOCA

3. Período de tempo com características específicas. = ÉPOCA

4. Data.

5. [Geologia]   [Geologia]  Divisão da escala de tempo geológico, superior ao período e inferior ao éon.

6. [Brasil]   [Brasil]  Ano de idade (ex.: boi de cinco eras).


era dos afonsinhos
Tempos muito antigos ou antiquados, desactualizados (em alusão à época em que reinaram os primeiros Afonsos de Portugal). = TEMPO DOS AFONSINHOS

Confrontar: hera.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "eras" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Uma visita a uma Lisboa de outras eras , sob a voz de um dos nossos destacados humanistas quinhentistas..

Em intergalacticrobot

de alguns oponentes-sobreviventes de eras medievais..

Em O INDEFECTÍVEL

Tu eras também uma pequena folha que tremia no meu peito..

Em A RODA

]… eras mesmo detido!!

Em O INDEFECTÍVEL

lembro-me: eras (& és) linda..

Em daniel abrunheiro
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Qual é o substantivo colectivo que designa um conjunto de golfinhos?
Não parece existir nenhum colectivo que designe especificamente um conjunto de golfinhos. Como se referiu na resposta raposada, os colectivos específicos (ex.: cáfila) não são particularmente abundantes. A alternativa consiste no uso de colectivos genéricos como grupo: Durante o passeio, um grupo de golfinhos ladeou a embarcação.



A expressão "até ao arrebatamento" está correta?
Antes de mais, convém clarificar, ainda que resumidamente, o uso de até.

Como preposição, a palavra até é usada para indicar um limite temporal (ex.: Eu vou embora, até amanhã; Esperem pela resposta até meados de Janeiro; Dormi até tu chegares), um limite espacial (ex.: Viajou de comboio até Paris) ou um limite quantitativo (ex.: O desconto é válido em todos os enlatados até 800 g).

Segundo a Nova Gramática do Português Contemporâneo de Celso Cunha e Lindley Cintra (14.ª ed., Lisboa, Edições João Sá da Costa, 1998, p. 561), em Portugal usa-se geralmente a preposição até acompanhada da contracção da preposição a com o artigo definido o/a(s) (ex: Fui até ao parque; Fomos até à igreja) enquanto no Brasil se usa maioritariamente a preposição até sem a contracção (ex.: Fui até o parque; Fomos até a igreja). Em termos de correcção, como refere o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (edição brasileira da Editora Objetiva, 2001; edição portuguesa do Círculo de Leitores, 2002), é indiferente no Brasil associar a preposição até a outra preposição ou não. Por outras palavras, é tão correcto escrever fomos até à igreja como fomos até a igreja, sendo a última a forma mais usual no Brasil.

Como advérbio, a palavra até é usada para indicar inclusão ou ênfase, sendo sinónima de inclusivamente, também ou mesmo (ex.: Todos ajudaram na arrumação da cozinha, até o avô; O empresário fez várias alterações e admite até a contratação de mais funcionários). Dependendo da regência do verbo em causa, o advérbio até pode surgir associado a uma contracção (ex.: Eles foram a todo o lado: à Europa, à Ásia, até à Austrália!).

Considerando os usos acima descritos, a expressão até ao arrebatamento está correcta, tanto em Portugal como no Brasil, se a palavra até for usada como preposição (ex.: Foi uma festa intensa até ao arrebatamento final). Se, no entanto, a palavra até for usada como advérbio, a expressão até ao arrebatamento está incorrecta, como indica o asterisco (ex.: *Todas as emoções foram banidas, até ao arrebatamento religioso).

pub

Palavra do dia

e·lei·ço·ei·ro e·lei·ço·ei·ro


(eleição + -eiro)
adjectivo
adjetivo

1. Relativo a eleições políticas (ex.: processo eleiçoeiro). = ELEITORAL

2. [Depreciativo]   [Depreciativo]  Que tem por finalidade a obtenção fácil de votos do eleitorado (ex.: compromisso eleiçoeiro; promessas eleiçoeiras). = ELEITOREIRO

nome masculino

3. O que se ocupa de eleições com aprazimento.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/eras [consultado em 02-10-2022]