Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

consultivo

consultivoconsultivo | adj.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

con·sul·ti·vo con·sul·ti·vo


(consultar + -tivo)
adjectivo
adjetivo

1. Relativo a consulta.

2. Que envolve parecer.

3. Instituído para dar pareceres.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "consultivo" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

...a presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima, que iria constituir um grupo consultivo presidido pelo ex-presidente Daniel Campelo..

Em Nuno de Matos

Nos casos ambíguos, o deputado pode consultar confidencialmente o Comité Consultivo sobre a Conduta dos Deputados criado pelo artigo 7..

Em portugal contempor

Segundo George Whitesides, líder do projeto e que também é presidente do Conselho Consultivo Espacial da Virgin Galactic, o voo fez história..

Em NOTÍCIAS SOBRE AVIAÇÃO AVIATION NEWS

...a Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec), órgão consultivo do Ministério da Saúde..

Em Caderno B

G1 Um comitê consultivo independente da agência reguladora norte-americana (FDA, sigla em inglês) recomendou nesta sexta-feira (15) uma...

Em Caderno B
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Sou assíduo consultor do site da Priberam para dúvidas sobre significação de palavras. Mas não consegui entender a diferença entre as palavras aluguéis e alugueres. Poderiam por favor esclarecer-me?
Aluguéis é a forma do plural do substantivo aluguel. Alugueres é a forma do plural do substantivo aluguer. As duas palavras aluguel e aluguer são sinónimas, sendo a primeira mais usada no português do Brasil e a segunda no português de Portugal.



Qual das expressões é a correcta: de forma a ou por forma a? Caso ambas estejam correctas, qual a diferença entre elas e quando usar uma ou outra?
As duas expressões estão correctas e são locuções prepositivas sinónimas, significando ambas “para”, “a fim de” ou “de modo a” e indicando um fim ou objectivo (ex.: procedeu cautelosamente de forma a/por forma a evitar erros), sendo a locução por forma a menos usada que de forma a, como se pode verificar pela pesquisa em corpora e motores de busca na internet. Ambas se encontram registadas em dicionários de língua portuguesa.

Estas duas expressões, construídas com a preposição a, pertencem a um conjunto de locuções (do qual fazem parte de modo a ou de maneira a) cujo uso é desaconselhado por alguns puristas, com o argumento de que se trata de expressões de influência francesa, o que, neste caso, não parece constituir argumento suficiente para as considerar incorrectas. Acresce ainda que, em qualquer dos casos, locuções prepositivas como de/por forma a, de maneira a ou de modo a desempenham a mesma função da preposição para, que neste contexto introduz frases subordinadas infinitivas adverbiais de fim (ex.: procedeu cautelosamente para evitar erros), da mesma forma que, com alterações ao nível dos tempos verbais, as locuções conjuncionais de/por forma que, de maneira que ou de modo que desempenham a função da locução conjuncional para que, que neste contexto introduz frases subordinadas finitas adverbiais de fim (ex.: procedeu cautelosamente para que evitasse erros). Não parece assim haver motivo para deixar de usar umas ou outras.

pub

Palavra do dia

pas·si·nhar pas·si·nhar


(passinho, diminutivo de passo + -ar)
verbo intransitivo

Dar passos muito pequenos; andar com pequenos passos. = PASSARINHAR, PASSARITAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/consultivo [consultado em 01-12-2021]