PT
BR
Pesquisar
Definições



chupar-te

A forma chupar-tepode ser [infinitivo de chuparchupar], [primeira pessoa singular do futuro do conjuntivo de chuparchupar], [primeira pessoa singular infinitivo flexionado de chuparchupar], [terceira pessoa singular do futuro do conjuntivo de chuparchupar] ou [terceira pessoa singular infinitivo flexionado de chuparchupar].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
chuparchupar
( chu·par

chu·par

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Fazer movimentos com os lábios e a língua para fazer entrar um líquido na boca. = SUGAR

2. Fazer movimentos de sucção em (ex.: chupar o dedo).

3. Sorver; absorver.

4. Lucrar.

5. Comer.

6. Gastar, consumir.

7. Explorar.

8. Esgotar, exaurir.

9. [Popular] [Popular] Conseguir; obter.

10. [Calão] [Tabuísmo] Praticar sexo oral.


verbo pronominal

11. Emagrecer muito.

etimologiaOrigem etimológica:origem duvidosa, talvez onomatopaica.

Auxiliares de tradução

Traduzir "chupar-te" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Como se escreve: quere-la ou querêla?
As grafias quere-la, querê-la e querela são formas parónimas, isto é, formas diferentes com grafia e som semelhantes.

As formas quere-la e querê-la correspondem a formas verbais do verbo querer seguidas do clítico a, na forma -la (o pronome clítico -a assume a forma -la quando a forma verbal que o precede termina em -r, -s ou -z); quere-la pode transcrever-se foneticamente ['k3rilá] e corresponde à segunda pessoa do presente do indicativo (ex.: tu queres a sopa? = quere-la?), enquanto querê-la pode transcrever-se foneticamente [ki'relá] e corresponde ao infinitivo (ex.: para alcançares alguma coisa, tens de querê-la muito).

A grafia querela pode transcrever-se foneticamente [ki'r3lá] e corresponde a um substantivo feminino, cujo significado poderá consultar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.




"Sê educado", o colega disse que estava errado. Gostaria de saber o correto.
A expressão “Sê educado” está correcta. A forma verbal é a segunda pessoa do singular do imperativo do verbo ser, como pode verificar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa e seleccionando a opção Conjugar. Veja-se o uso desse modo verbal imperativo nas seguintes frases:
1. Tu, sê educado!
2. Você, seja educado!
3. Nós, sejamos educados!
4. Vós, sede educados!
5. Vocês, sejam educados!