Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub

bichos

masc. pl. de bichobicho
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

bi·cho bi·cho


(latim vulgar bestius, de bestia, besta, animal)
nome masculino

1. Designação dada a diversos animais.

2. Cavalo ou touro.

3. Criatura insignificante.

4. Ser imaginário usado para meter medo às crianças. = OGRE, PAPÃO

5. [Informal]   [Informal]  Pessoa pouco sociável. = BICHO-DO-MATO

6. [Informal]   [Informal]  Designação dada a coisa ou pessoa de que se fala (ex.: silêncio, o bicho vem aí).

7. [Informal]   [Informal]  Cancro.

8. [Figurado]   [Figurado]  Gosto ou interesse muito forte por algo ou por alguma actividade (ex.: cedo descobriu o bicho da representação). = BICHINHO

9. [Portugal, Informal]   [Portugal, Informal]  Estudante do ensino secundário, entre os estudantes universitários de Coimbra.

10. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Estudante do primeiro ano de um curso superior. = CALOIRO

11. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Forma de tratamento usada como incitamento ou como simples vocativo (ex.: o dinheiro sumiu, bicho). = CARA

12. [Brasil]   [Brasil]  Jogo semelhante à lotaria em que as apostas recaem em animais que representam grupos de números. = JOGO DO BICHO


bicho de cozinha
[Informal, Depreciativo]   [Informal, Depreciativo]  Criado da cozinha.

de criar bicho
Intenso e violento (ex.: pancada de criar bicho).

matar o bicho
Beber aguardente em jejum.

[Portugal]   [Portugal]  Tomar o pequeno-almoço ou quebrar o jejum.

matar o bicho do ouvido a alguém
Irritar com ditos e sugestões. = AZOINAR

virar bicho
[Brasil]   [Brasil]  Tornar-se furioso. = ENFURECER-SE

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "bichos" para: Espanhol | Francês | Inglês

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Continuamos entregues aos bichos ..

Em a peida é um regalo ... do nariz a gente trata

Não, as aves invasoras não são bichos fofinhos dos quais devemos cuidar!!

Em Tupiniquim

...que ter planejamento, levar comida e bebida, se informar se há banheiros, sem tem bichos , se o lugar é perigoso..

Em NOTÍCIAS SOBRE AVIAÇÃO AVIATION NEWS

traços de espaçonave, e os bichos não dominam nenhuma tecnologia..

Em www.tonygoes.com.br

Olho os homens, as casas e os bichos ..

Em Geopedrados
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


A palavra reprocessamento existe?
A palavra reprocessamento encontra-se registada em alguns dicionários de língua portuguesa, como por exemplo no Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Lisboa, Círculo de Leitores, 2002). No entanto, mesmo que esse vocábulo não se encontrasse atestado em nenhuma obra lexicográfica, o seu uso seria sempre aceitável, pois a sua formação é perfeitamente regular (de re- + processamento).



A palavra vigilidade, que tem origem na palavra vígil, tem suscitado alguma controvérsia na área em que estou envolvido. É um termo que é utilizado nalguns trabalhos de psicologia e por algumas instituições nacionais ligadas aos medicamentos (ex: INFARMED). No entanto, não encontrei a palavra nos dicionários que consultei, inclusivamente o da Priberam. Alternativamente a palavra utililizada é vigilância. Assim, gostaria de saber a vossa opinião sobre este assunto.
Também não encontrámos a palavra vigilidade registada em nenhum dos dicionários ou vocabulários consultados. No entanto, este neologismo respeita as regras de boa formação da língua portuguesa, pela adjunção do sufixo -idade ao adjectivo vígil, à semelhança de outros pares análogos (ex.: dúctil/ductilidade, eréctil/erectilidade, versátil/versatilidade). O sufixo -idade é muito produtivo na língua para formar substantivos abstractos, exprimindo frequentemente a qualidade do adjectivo de que derivam.

Neste caso, existem já os substantivos vigília e vigilância para designar a qualidade do que é vígil, o que poderá explicar a ausência de registo lexicográfico de vigilidade. Como se trata, em ambos os casos, de palavras polissémicas, o uso do neologismo parece explicar-se pela necessidade de especialização no campo da medicina, psicologia e ciências afins, mesmo se nesses campos os outros dois termos (mas principalmente vigília, que surge muitas vezes como sinónimo de estado vígil) têm ampla divulgação.

pub

Palavra do dia

al·cor·que al·cor·que


(árabe al-qurq)
nome masculino

[Antigo]   [Antigo]  Calçado com sola de cortiça.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/bichos [consultado em 02-08-2021]