Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

barraca

barracabarraca | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

bar·ra·ca bar·ra·ca


(origem controversa)
nome feminino

1. Construção provisória, para abrigo, geralmente feita de madeira ou de lona.Ver imagem

2. Construção rústica e, geralmente, precária.

3. Armação coberta de lona onde os banhistas se abrigam ou trocam de roupa.

4. Grande guarda-chuva de pano azul.

5. Tenda.

6. [Informal]   [Informal]  Situação embaraçosa.

7. [Informal]   [Informal]  Situação problemática ou de grande desordem. = BARRACADA, BRONCA, CONFUSÃO, TRAPALHADA

8. [Informal]   [Informal]  Loja informal de rua, que comercializa sobretudo bebidas ou algumas comidas.


armar (uma) barraca
[Informal]   [Informal]  Causar discussão ou espalhafato; fazer escândalo.

dar barraca
[Informal]   [Informal]  Não ser bem-sucedido, cometer erros.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "barraca" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Dúvidas linguísticas


Agradecia que me informassem o significado e a origem das seguintes palavras: almosquia e cadaveiras.
Nenhum dos dicionários de língua portuguesa ao nosso dispor regista as palavras que refere, por isso assumimos que se trate de nomes próprios, mais especificamente de topónimos. Em relação a Almosquia, e apesar de termos tomado conhecimento, através de pesquisas na internet, de que existe um arruamento em Cascais com esse nome, não conseguimos encontrar qualquer informação etimológica. No que diz respeito a Cadaveiras, o Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa (Vol. I, Editorial Confluência, Lisboa, s. d. [1984], p. 306), da autoria do recentemente falecido José Pedro Machado, informa-nos de que o topónimo Cadaveira, que se pode encontrar nas regiões de Águeda, de Santiago do Cacém e na Galiza, provém do substantivo feminino cádava ou cadava, do qual derivará também o topónimo Cadaval.



Num texto em que se usa a abreviatura de uma divisa (por exemplo, EUR ou USD), é correcto escrever "30 EUR" ou, pelo contrário, deve utilizar-se "EUR 30"? E deve ser "30 €" ou "€ 30"?
A ortografia é a única área da língua em que há uma regulamentação através de textos legais.

Esta dúvida não diz directamente respeito à ortografia, mas à representação convencionada de valores monetários, nomeadamente através do recurso ao código das moedas ou de abreviaturas ou símbolos. À partida, parece lógico que se coloque o código ou o símbolo da moeda depois do montante (ex.: 30 EUR ou 30 €), não havendo qualquer motivo para colocar o código ou o símbolo da moeda antes (ex.: EUR 30 ou € 30), a não ser por analogia com o inglês, onde essa é a prática mais corrente.

Estas opções não são obrigatórias, mas constituem frequentemente objecto de directrizes em livros ou manuais de estilo de órgãos de comunicação ou instituições. A título de exemplo, veja-se a recomendação do Código de Redacção Interinstitucional da União Europeia (ver http://publications.europa.eu/code/pt/pt-370303.htm): "O código EUR ou o símbolo colocam-se depois do montante, separado por um espaço: um total de 30 EUR", com a observação de que "esta regra aplica-se à maior parte das línguas, excepto inglês, letão e maltês, onde o código aparece antes do número: an amount of EUR 30".

pub

Palavra do dia

bi·po·la·ri·da·de bi·po·la·ri·da·de


(bipolar + -idade)
nome feminino

1. Qualidade do que é bipolar.

2. Estado do que tem dois pólos contrários.

3. [Psiquiatria]   [Psiquiatria]  Perturbação de humor caracterizada por alternância entre estados depressivos e estados de excitação eufórica.


SinónimoSinônimo Geral: BIPOLARISMO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/barraca [consultado em 30-03-2023]