Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

abraçar

abraçarabraçar | v. tr. | v. pron.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

a·bra·çar a·bra·çar

- ConjugarConjugar

(a- + braço + -ar)
verbo transitivo

1. Cingir com os braços.

2. Dar um abraço em.

3. Compreender; estender-se a.

4. Admitir, aceitar, seguir.

5. Cercar.

verbo pronominal

6. Dar abraços recíprocos.

7. Aproximar-se de um ponto e segui-lo.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "abraçar" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

...ver o padre celebrar a missa na Igreja, mantive no coração o desejo de abraçar a vocação sacerdotal..

Em Blog da Sagrada Família

...forma fria como finalizava”, detalhou, explicando que o iraniano “abdicou de muito dinheiro” para abraçar o desafio europeu..

Em Fora-de-jogo

...creio que no dia 5 de Dezembro, muitos mais se tenham lembrado de o abraçar para o felicitar pelo seu aniversário..

Em Vendo o Mundo de binóculos, do alto de Marvão

III Os abraços Os abraços da gente que sabe abraçar Os abraços de corpo inteiro Abraçar como se fosse acabar o mundo sentir o...

Em Ortografia do olhar

O agente de jogadores prepara-se, assim, para abraçar um novo projeto, deixando a empresa Footconect..

Em Fora-de-jogo
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Ao consultar terebentina fui surpreendido com a variante terebintina. Qual é a soletração certa?
Ambas as grafias terebintina e terebentina são possíveis e estão registadas, por exemplo, no Grande Dicionário da Língua Portuguesa (12 vol., Porto: Amigos do Livro Editores, 1981) e no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa (Lisboa: Academia das Ciências de Lisboa / Editorial Verbo, 2001).

A grafia terebintina está mais próxima do étimo latino (terebinthus = terebinto), razão pela qual alguns dicionários optaram pela sua inclusão em detrimento de terebentina, que está mais próxima do vocábulo francês (térébenthine). Pesquisas em corpora e em motores de busca na Internet revelam uma maior tendência dos falantes para o uso de terebintina, o que parece confirmar a opção dos dicionários.




Como é que se conjuga o verbo ser: Não SOU eu quem autoriza ou Não É eu quem autoriza? Não SOU eu que autorizo ou Não É eu que autorizo?
As frases referidas contêm duas orações, uma subordinante (não sou eu), cujo sujeito é o pronome eu, e uma subordinada completiva substantiva (quem autoriza ou que autorizo), que desempenha a função de predicativo do sujeito da oração subordinante. Assim, se colocarmos os constituintes da primeira oração na ordem sujeito-verbo-predicativo do sujeito é mais fácil visualizar a estrutura que explica que o verbo ser deve concordar com o pronome eu (eu não sou [quem autoriza ou que autorizo]). A oração subordinada (quem autoriza ou que autorizo), quando construída com o pronome relativo quem obriga a que o verbo autorizar concorde com este pronome em género e número, correspondendo à terceira pessoa do singular; quando a oração subordinada se constrói com o pronome relativo que, o verbo autorizar deve estar na primeira pessoa do singular, pois o sujeito deste verbo é o pronome que, o qual, ao contrário do pronome quem, concorda obrigatoriamente com o antecedente nominal ou pronominal existente na oração anterior, no caso, o pronome eu.
pub

Palavra do dia

si·na·lag·má·ti·co si·na·lag·má·ti·co


(grego sunallagmatikós, -ê, -ón, relativo a contrato)
adjectivo
adjetivo

[Jurídico, Jurisprudência]   [Jurídico, Jurisprudência]  Que liga mutuamente dois contraentes (ex.: contrato sinalagmático; relação sinalagmática). = BILATERAL

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/abra%C3%A7ar [consultado em 23-05-2022]