Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
ananásananás | s. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

a·na·nás a·na·nás
(tupi naná)
substantivo masculino

1. [Botânica]   [Botânica]  Planta bromeliácea (Ananas comosus) originária da América Tropical, muito cultivada nas regiões quentes pelos seus grandes frutos de polpa açucarada e saborosa. = ANANASEIRO

2. Fruto dessa planta.Ver imagem


SinónimoSinônimo Geral: ABACAXI

Plural: ananases.Plural: ananases.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "ananás" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Quando se estuda a nomenclatura das substâncias químicas orgânicas, usam-se os prefixos et-, met-, prop- e but- para definir ou restringir certas características de tais substâncias. De onde vieram esses prefixos? Seriam latinos? Quais seriam os significados originais ou literais deles?
Os elementos de composição prefixais que refere resultam de reduções de palavras, normalmente de origem grega, mas frequentemente com influência latina.

But- é redução de butírico, que por sua vez deriva do grego boúturon, "manteiga", através do latim butyrum, como outras palavras que contêm o elemento butir-. Et- é redução de éter, que tem origem no grego aithêr "céu", pelo latim aether. Met- é redução de metilo, que tem origem no grego méthu, “vinho” e em húle,”madeira”. Em relação a prop-, trata-se de uma redução de propiónico, derivado do grego pró, "diante de", "antes" e de píon "gordo".




A palavra stress pode ser utilizada em português?
A questão levantada coloca um problema, recorrente nos utilizadores e nos dicionários de língua portuguesa, que diz respeito à adaptação de estrangeirismos. Geralmente, a grafia e a pronúncia destas palavras importadas de outras línguas desrespeitam as regras mais usuais do português, o que acentua o seu carácter estrangeiro e, por vezes, motiva reacções de recusa por parte de alguns falantes e gramáticos.

A forma stress é um anglicismo e, se optar pela sua utilização, deve fazê-lo respeitando as regras que se aplicam aos estrangeirismos em geral, isto é, escrevendo em itálico, para realçar que se trata de palavra estrangeira adoptada pelo português. Por se ter generalizado na linguagem corrente e em domínios técnicos como a medicina, tem resistido às traduções propostas (ex.: cansaço, fadiga, pressão, tensão), estando averbada nos principais dicionários de língua portuguesa. No entanto, e dado o seu carácter marcadamente estrangeiro (o grupo consonântico inicial st- e a terminação em consoante final -ss são praticamente inexistentes em palavras portuguesas), surgiram aportuguesamentos espontâneos, mais conformes às regras da língua portuguesa: no português europeu, o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea (Academia das Ciências/Verbo, 2001) regista a forma stresse (que, ainda assim, mantém o problema do grupo consonântico inicial); no português do Brasil, o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Editora Objetiva, 2001) e o Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa, (Editora Positivo, 2004) registam a forma estresse (que anula os grupos consonânticos inicial e final). A diferença de aportuguesamentos reflecte uma tendência divergente das duas variedades do português. O mesmo é válido para os seus derivados stressar, stressante e stressado (no português europeu) e estressar, estressante e estressado (no português do Brasil).

pub

Palavra do dia

xer·ga |ê| xer·ga |ê|
(latim serica, -orum, tecidos ou vestidos de seda)
substantivo feminino

1. [Antigo]   [Antigo]  Tecido grosseiro de lã. = BUREL, ESTAMENHA

2. [Regionalismo]   [Regionalismo]  Manta grosseira em que se transporta a palha trilhada das eiras.

3. [Regionalismo]   [Regionalismo]  Manta que se estende debaixo das oliveiras quando se vareja a azeitona.

4. [Portugal: Trás-os-Montes]   [Portugal: Trás-os-Montes]  Espécie de colchão de palha. = ENXERGA

5. [Brasil]   [Brasil]  Espécie de almofada que se põe por baixo da albarda das bestas.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/anan%C3%A1s [consultado em 17-08-2019]