Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

alabastro-calcário

alabastro-calcárioalabastro-calcário | n.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

alabastro-calcário alabastro-calcário


nome

(A definição desta palavra estará disponível brevemente. Envie comentários ou sugestões para dicionario@priberam.pt)
pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

“mármores”, o mármore propriamente dito, o basalto antigo e o alabastro , e por “Pedras de construção”, o calcário e o arenito, nomeadamente o Bundsandstein, nome então atribuído ao arenito fino do Triásico germânico. Assinale-se que o basalto antigo (não o resultante das erupções vulcânicas que se podiam

Em sorumb

antigo e o alabastro , e por “Pedras de construção”, o calcário e o arenito, nomeadamente o Bundsandstein, nome então atribuído ao arenito fino do Triásico germânico. Assinale-se que o basalto antigo (não o resultante das erupções vulcânicas que se podiam presenciar na região mediterrânea), já conhecido

Em De Rerum Natura

classificações do romano Plínio, o Velho, (23-79), do persa Avicena (980-1037) e do dominicano alemão Alberto Magno (1193.1280), mármore, era toda a pedra susceptível de ser usada em cantaria. Eram “mármores” o calcário , o alabastro , o basalto (“mármore negro”, como lhe chamou Plínio), o arenito fino do

Em De Rerum Natura

(1495-1555), que reviu as classificações do romano Plínio, o Velho, (23-79), do persa Avicena (980-1037) e do dominicano alemão Alberto Magno (1193.1280), mármore, era toda a pedra susceptível de ser usada em cantaria. Eram “mármores” o calcário , o alabastro , o basalto (“mármore negro”, como lhe chamou

Em sorumb

portuense Abrunhosa de Brito, que unificou este espaço, deixando visíveis testemunhos da construção original do século XV, nomeadamente do campanário, onde actualmente se exibe uma das peças mais interessantes deste conjunto - a virgem em alabastro , de Nottingham (REBELO, QUARESMA, 1979, p.44). A fachada

Em maisportugalturismo.blogs.sapo.pt
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Qual é o superlativo absoluto sintético do adjectivo miúdo?
O adjectivo miúdo admite o superlativo regular miudíssimo e o irregular minutíssimo, derivado do superlativo latino minutissimus, do adjectivo minutus, que está na origem etimológica de miúdo.



No site de um amigo, este emprega o vocábulo vigiliatura. Por convicção sugeri que corrigisse para vilegiatura, tal como consta no Dicionário On-Line. Respondeu-me, agradecendo, que o termo está correcto. Perante a dúvida, muito grato fico se puderem esclarecer-me.
A palavra vigiliatura não se encontra registada em nenhum dos dicionários de língua portuguesa por nós consultados. Não sabemos em que contexto foi empregue essa palavra, mas se tiver sido utilizada no sentido “temporada de recreio ou veraneio” a forma correcta a utilizar deverá ser vilegiatura e não vigiliatura.

Ao realizarmos pesquisas em corpora e motores de busca da internet, encontrámos algumas ocorrências de vigiliatura no sentido de “vigília”, forma que, apesar de pouco corrente, é aceitável, pois decorre da aposição do sufixo -tura (elemento de formação pouco produtivo no português contemporâneo) ao substantivo vigília. No entanto, visto que vigília é a forma consagrada pelo uso e pelo registo lexicográfico, o uso de vigiliatura, vocábulo menos generalizado e passível de equívocos como o que motivou a sua dúvida, parece-nos desaconselhado.

pub

Palavra do dia

re·fu·gar re·fu·gar


(latim refugo, -are)
verbo transitivo

1. Pôr de parte. = DESPREZAR, REJEITAR

2. [Brasil]   [Brasil]  Separar, apartar (ex.: refugar o gado).

Confrontar: refogar.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/alabastro-calc%C3%A1rio [consultado em 22-01-2022]