PT
BR
Pesquisar
Definições



Pesquisa nas Definições por:

empar

arjão | n. m.

Pau com que se empa a videira....


arjoada | n. f.

Videiras empadas por meio de arjão....


empaste | n. m.

Acto ou efeito de empastar....


mourão | n. m.

Cada uma das varas grossas em que se apoiam as estacadas....


lança | n. f. | n. 2 g.

Arma ofensiva formada por uma haste que tem na extremidade um ferro pontiagudo....


rodriga | n. f.

Madeira ou estaca para sustentar plantas, geralmente vinhas e feijoeiros....


rodrigão | n. m.

Estaca para sustentar uma planta, geralmente uma videira....


rodrigo | n. m.

Madeira ou estaca para sustentar plantas, geralmente vinhas e feijoeiros....


empadaria | n. f.

Estabelecimento comercial que confecciona e vende empadas....


apensa | n. f.

Nova empa da videira desprendida por acidente....


empa | n. f.

Acto de empar; operação de colocar estaca para sustentar uma planta....


envidilha | n. f.

Operação de vergar a vara da videira (que ficou da poda), atando-a à cepa....


erguida | n. f.

Empa das varas novas da videira....


vincelho | n. m.

Atilho de vime, giesta, verga, palhas, etc., para atar feixes, empar videiras, etc....


vincilho | n. m.

Atilho de vime, giesta, verga, palhas, etc., para atar feixes, empar videiras, etc....


baixa | n. f.

Diminuição na altura....


guia | n. f. | n. 2 g. | n. m. | adj. 2 g.

Acto de guiar, direcção, governo....



Dúvidas linguísticas



Minha dúvida é: Por que passei a vida estudando que o correto é falar para eu fazer, para eu comer, e etc., se a frase É fácil para mim estudar não está errada? Podem explicar essa última frase.
De facto, nos contextos exemplificados com duas orações na resposta para eu/para mim (ex.: isto é para eu fazer), deverá ser usado o pronome sujeito, pois na oração para eu fazer, o pronome desempenha essa função de sujeito. No caso do exemplo É fácil para mim estudar, o contexto é semelhante àquele referido na resposta pronomes pessoais rectos e oblíquos, em que o pronome não desempenha a função de sujeito, pois esta frase pode ser decomposta em Estudar [sujeito] é fácil [predicado] para mim [adjunto adverbial de interesse].



Porque diagnostica não tem acento?
As palavras diagnostica e diagnóstica são designadas por homógrafos imperfeitos, isto é, palavras cuja grafia se diferencia apenas pela acentuação gráfica, mas que têm pronúncia e significado diferente.
Sem acento gráfico, a palavra diagnostica corresponde a uma forma do verbo diagnosticar (ex.: ele diagnostica a doença de forma clara); como tal, segue a regra geral de acentuação das formas verbais na terceira pessoa do presente do indicativo (à semelhança outras formas verbais com amplifica, fica ou multiplica). Trata-se de uma palavra grave, sem qualquer contexto que justifique a sua acentuação gráfica.
Com acento gráfico, a palavra diagnóstica é esdrúxula e corresponde à forma feminina do adjectivo diagnóstico (ex.: avaliação diagnóstica, observação diagnóstica).


Ver todas