Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

Parvo

parvoparvo | adj. n. m. | adj.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

par·vo par·vo


(latim parvulus, -a, -um, diminutivo de parvus, -a, -um, pequeno)
adjectivo e nome masculino
adjetivo e nome masculino

1. [Depreciativo]   [Depreciativo]  Que ou quem tem dificuldades no raciocínio ou é considerado demasiado ingénuo (ex.: que gata tão parva; esse sujeito é um parvo que não admite ser contrariado). = ESTÚPIDO, IDIOTA, PALERMA, PATETA, TOLO, TONTOESPERTO

adjectivo
adjetivo

2. [Depreciativo]   [Depreciativo]  Que é desadequado da situação, inconveniente ou não vem a propósito (ex.: comentário parvo). = DESPROPOSITADO, DISPARATADOACERTADO

3. [Portugal, Informal]   [Portugal, Informal]  Que demonstra surpresa (ex.: ouvi o relato e fiquei parva, não estava à espera disto). = ADMIRADO, BANZADO, SURPREENDIDO, SURPRESO

Feminino: parva ou párvoa.Feminino: parva ou párvoa.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "Parvo" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

O povo pode ser " parvo e estúpido" (aos olhos dos políticos), mas gosta pouco destas "espertezas saloias", em que...

Em largo da memória

...destinatário: acusar, por exemplo, alguém de estultícia, se esse alguém for poucochinho, se for parvo (parvus:pequeno), corre-se o risco de

Em O INDEFECTÍVEL

Ser negacionista é uma coisa, ser parvo , é outra..

Em Memoria recente e antiga

logo de seguida Quem não goza das letras por prazer, É um parvo , é um estúpido toda a vida Ter olhos é o mesmo que não...

Em Blog do Manel

O agente Forster não é nada parvo e desconfia de ambos..

Em Gotika
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Inseri, no vosso corrector ortográfico, a palavra “desejante” que, há tempos, vi escrita, erradamente, em vez do adjectivo “desejoso”. Para surpresa minha, o citado corrector, no português de Portugal, não acusa o erro.
A palavra desejante, apesar de não se encontrar registada em nenhum dos dicionários de língua portuguesa à nossa disposição, está averbada no Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras e apresenta-se correctamente formada (através da aposição do sufixo -ante ao verbo desejar), daí a sua inclusão no léxico do corrector ortográfico do FLiP. O adjectivo desejante, cujo uso é bastante frequente (como se pode verificar através de pesquisas em corpora e motores de busca da Internet), partilha do significado do adjectivo desejoso (ex.: ela é uma pessoa desejosa de conhecimento = ela é uma pessoa desejante de conhecimento), apesar de este ser mais frequente e estar já consagrado pelo uso. Ambos resultam de processos regulares de derivação no português, pela junção, respectivamente, do sufixo -ante ao radical de um verbo e do sufixo -oso ao radical de um substantivo.



Em qual destas frases existe um erro de sintaxe? Há negócios cujas vantagens parecem evidentes; O negócio onde o meu pai está envolvido dá prejuízo.
As gramáticas e os dicionários de língua portuguesa, como o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea ou a Gramática da Língua Portuguesa (p. 664), indicam que o advérbio ou pronome relativo onde expressa unicamente valores locativos, isto é, está relacionado com a noção de lugar físico, pelo que a segunda frase que refere (o negócio onde o meu pai está envolvido dá prejuízo) pode ser de alguma forma considerada menos correcta, já que “negócio” não é, neste contexto, um espaço físico, mas um substantivo abstracto. Nessa frase, as locuções adverbiais relativas em que ou no qual podem ser tidas como mais adequadas (o negócio em que/no qual o meu pai está envolvido dá prejuízo).

A primeira frase (há negócios cujas vantagens parecem evidentes) não apresenta qualquer tipo de agramaticalidade ou incorrecção sintáctica.

pub

Palavra do dia

ar·tão ar·tão


(grego ártos, -ou, bolo ou pão de farinha de trigo)
nome masculino

[Pouco usado]   [Pouco usado]  Alimento feito de massa de farinha de cereais cozida num forno. = PÃO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/Parvo [consultado em 16-10-2021]