PT
BR
Pesquisar
Definições



traço

A forma traçopode ser [primeira pessoa singular do presente do indicativo de traçartraçar] ou [nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
traçotraço
( tra·ço

tra·ço

)


nome masculino

1. Acto ou efeito de traçar. = TRAÇADO

2. Linha, risca, risco.

3. Maneira especial de desenhar.

4. Corte, feitio, disposição.

5. Linha do rosto. (Mais usado no plural.) = FEIÇÃO

6. Característica especial ou distintiva.

7. [Linguística] [Lingüística] [Linguística] Elemento mínimo que caracteriza unidades linguísticas (ex.: traço distintivo).

8. O que sobra ou fica de algo que aconteceu, passou ou desapareceu. = RASTO, SINAL, VESTÍGIO

9. Quantidade muito pequena. = VESTÍGIO

10. Parte de um escrito ou de discurso. = EXCERTO, PASSAGEM, TRECHO

11. [Regionalismo] [Regionalismo] Parte de qualquer coisa cortada transversalmente.

12. [Portugal: Beira] [Portugal: Beira] Limiar da porta.

13. [Informal] [Informal] Mulher elegante e bem feita.


a traços largos

O mesmo que em traços largos.

de um traço

De uma vez só.

em traços largos

Sem grandes pormenores (ex.: explicou o caso em traços largos).

traço de união

[Tipografia] [Tipografia]  Sinal gráfico horizontal (-) usado na separação de elementos de um composto, de alguns prefixos, de sílabas em fim de linha e de ligações enclíticas e mesoclíticas. = HÍFEN, RISCA DE UNIÃO, TIRETE

traço inferior

[Informática, Tipografia] [Informática, Tipografia]  Sinal gráfico ( _ ) que consiste num traço colocado a um nível inferior à linha ou às letras. = SUBLINHA, SUBTRAÇO

etimologiaOrigem etimológica:derivação regressiva de traçar.
Colectivo:Coletivo:Coletivo:traçado, tracejado.
traçartraçar
( tra·çar

tra·çar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Descrever, delinear.

2. Riscar, dar traços em.

3. Combinar, planear.

4. Escrever.

5. Maquinar, tramar; esboçar.

6. Descrever, representar.

7. Cruzar.

8. Roer.

9. [Informal] [Informal] Comer.

10. [Figurado] [Figurado] Consumir, gastar.

11. Ralar, afligir.


verbo intransitivo e pronominal

12. Cortar-se.

13. Ser roído pela traça.

Auxiliares de tradução

Traduzir "traço" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



As palavras segmentos e seguimentos têm o mesmo significado? Ambas podem ser empregadas na seguinte frase: ... em cooperação com outros seguimentos [ou segmentos?], tais como órgãos públicos, universidades?
As palavras segmentos e seguimentos (que se pronunciam de modo semelhante no português do Brasil, mas não no de Portugal) não são sinónimas, ou seja, não têm o mesmo significado, como pode verificar seguindo as respectivas hiperligações para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa. Como tal, na frase que refere, a palavra que deve ser usada é segmentos, designando “sectores” (...em cooperação com outros segmentos, tais como órgãos públicos, universidades).



Peço auxílio para a composição de palavras com prefixos gregos e latinos. Quando são em justaposição e quando são em aglutinação? Minha dúvida neste momento é com a palavra intra + esclerótico.
A existência ou não de hífen depois de prefixos gregos e latinos é difícil de sistematizar em poucas linhas, pois isso difere consoante os prefixos (há até divergências ligeiras entre a norma europeia e a norma brasileira do português, por serem diferentes as obras de maior referência neste aspecto).

No caso de intra- (este caso aplica-se também aos prefixos contra-, extra-, infra-, supra- e ultra-), de acordo com a Base XXIX do Acordo Ortográfico de 1945, deve usar-se hífen antes de palavras iniciadas por vogal (ex.: intra-arterial, intra-ocular), h (ex.: intra-hepático), r (ex.: intra-raquidiano) ou s (ex.: intra-sinovial). Assim sendo, deve escrever-se intra-esclerótico segundo o Acordo Ortográfico de 1945, para o português de Portugal, ou o Formulário Ortográfico de 1943, para o português do Brasil.

Com a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990, e segundo a Base XVI, o prefixo intra- (assim como todos os prefixos ou elementos prefixais com o mesmo contexto ortográfico, isto é, terminados na letra a) deve aglutinar-se sempre com o elemento seguinte (ex.: intraocular), excepto se este começar por a (ex.: intra-arterial) ou h (ex.: intra-hepático). No caso de o elemento seguinte começar por r ou s, essas consoantes devem ser dobradas (ex.: intrarraquidiano, intrassinovial). Assim sendo, deve escrever-se intraesclerótico segundo o Acordo Ortográfico de 1990.