Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

sota-

sota-sota- | pref.
sotasota | n. f. | n. f. pl. | n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

sota- sota-


(latim subtus, debaixo)
prefixo

Elemento que significa inferioridade, subordinação ou posição inferior. = SOTO-

Nota: É sempre seguido de hífen (ex.: sota-capitão).

so·ta |ó|so·ta |ó|


nome feminino

1. [Popular]   [Popular]  Dama (no jogo das cartas).

2. Mulher astuciosa.

3. Folga; descanso; intervalo.


sotas
nome feminino plural

4. A parelha dianteira, num carro puxado por mais de uma.

nome masculino

5. Boleeiro; o que monta a cavalgadura da sela.

6. Subalterno.


dar sota e ás
Exceder, levar vantagem (em disputa, etc.).

Confrontar: cota.
pub

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

colado ao Canadá, lá no norte, e tem fama de ser mais povoado por vacas do que por homens (e mulheres). Já a toponímia do local é mais romântica: mine, em língua sioux, quer dizer água e sota corresponde à expressão cor do céu. Águas cor do céu, portanto. Só lhe fica bem. Além da enorme comunidade de

Em O INDEFECTÍVEL

, Soldado; José Alberto Sousa Araújo Pereira, Soldado; José Alves Silva, Soldado; José António Gaiato Carapinha, 1º Cabo; José Azevedo Miranda, Soldado; José Bernardino Coelho, 1º Cabo; José Coelho Barros, 1º Cabo; José Francisco Palma Cavaco, Soldado; José Francisco Sota Orelhas, Soldado; José Lopes Brito

Em Alberto Helder

Secundino Alves Pinto. PRAÇAS: 139 CABOS: 16 A. França, A. M. Alexandre, A. M. Oliveira, F. A. S. Morais, F. F. Martins, J. C. Dionisio, J. C. Salgado, J. L. Rosário, J. M. Batista, J. R. Lopes, Luís Barreiros, M. A. Caldeira, M. Blayer, M. G. Buco, R. A. Cardoso e R. C. Sota . MARINHEIROS: 63 A. Botelho, A

Em Alberto Helder

Manuela Bolinhas e Jorge Graça, que foram inexcedíveis. O Museu Literário Fialho de Almeida, que foi apresentado pela historiadora Francisca Bicho, a fruição das ruas e seus pormenores arquitectónicos, o conhecimento aprofundado da Igreja de Cuba, a cargo de Nuno Sota , de História de Arte e a assistência

Em aguas do sul

Agregado Fiel: Éder Trapp; 2º Agregado Fiel: Eduardo Sagrilo; 1º Sota Capataz: Maristane Mattos Guerra; 2º Sota Capataz: Mariana Frasson. Conselho de Vaqueanos - José Dirceu Sagrilo; - Jorge Vanderlei dos Santos Brum; - Anderson Fuzer Gonçalves. Suplentes - Valter Machado; - Gédson Nicola Manzoni

Em www.rafaelnemitz.com
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Quando uma carta formal é iniciada por "Eu...", deve de ter o título? "Eu, Dr. João..." ou "Eu, D. Ana..."? No caso de ser Dona, como é a abreviatura? E no caso de ser Dom?
Não há nenhuma norma linguística que impeça a indicação do título do sujeito de um texto formal, como no caso de editais, testamentos ou declarações. No entanto, é mais comum surgir apenas a indicação do nome do sujeito, sem o título, talvez por ser menos ostentatório. A abreviatura de dom ou dona é D. (ex.: D. José, D. Mariana).



Sempre aprendi que o correto era falar supérfulo. Porém de uns anos para cá vejo pessoas falando supérfluo e sempre imaginei que elas estavam falando errado. Procurei no dicionário Priberam e vi que supérfulo não existe. Está incorreto mesmo? Realmente não existe? Se eu falar vou passar vergonha? Sempre aprendi que assim era correto e sentirei dificuldade de falar supérfluo pois sempre imaginei ser errado. Podem me ajudar e me dizer qual das pronúncias está correta e se supérfulo realmente está errado?
A única forma correcta e atestada em dicionários é supérfluo, adjectivo derivado do latim superfluus.
O fenómeno que acontece em supérfluo, quando erradamente pronunciado ou escrito *supérfulo, é denominado por metátese e corresponde a uma troca de letras ou sons no interior de uma palavra. Há casos em que a metátese reflecte uma mudança linguística, isto é, corresponde efectivamente a uma alteração na evolução de uma palavra enquadrada na história da língua (é o caso, por exemplo, do advérbio latino semper que evoluiu para o português sempre). Não parece, porém, tratar-se de mudança linguística o que acontece com a metátese em supérfluo, quando pronunciado ou escrito *supérfulo. Em português, a estrutura regular de uma sílaba é uma sequência consoante-vogal (ex.: ba-ta-ta); há inúmeros casos que não seguem esta estrutura, mas esta é estatisticamente aquela que é mais frequente. Por este motivo, muitos falantes tendem a manter este padrão na pronúncia e a sequência consonântica -fl- seguida da sequência vocálica -uo em supérfluo é transformada numa sequência consoante-vogal-consoante-vogal (-fulo), fazendo uma regularização silábica abusiva e originando uma forma incorrecta *supérfulo.

Poderá consultar também outra resposta sobre o mesmo assunto em pronúncia de impregnar.

pub

Palavra do dia

sal·-ge·ma |ê|sal·-ge·ma |ê|


nome masculino

[Mineralogia]   [Mineralogia]  Sal comum fossilizado, extraído de depósitos naturais (ex.: mina de sal-gema). = HALITE

Plural: sais-gema ou sais-gemas.Plural: sais-gema ou sais-gemas.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/sota- [consultado em 27-06-2022]