Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

sin·cré·ti·co sin·cré·ti·co
adjectivo
adjetivo

1. Relativo ao sincretismo.

2. Que combina princípios de diversas doutrinas ou de concepções heterogéneas.


SinónimoSinônimo Geral: SINCRETISTA

pub

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Venho pedir uma consideração acerca da palavra compto, que tenho vindo a usar como sinónimo de "âmbito", mas segundo me constou, é apenas uma deturpação técnica de cômputo. Desde já manifesto os mais sinceros agradecimentos pelo esclarecimento.
A forma compto não existe; a grafia correcta é cômputo, como pode verificar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, e significa “cálculo, contagem” (ex.: O cômputo dos dias de férias está incorrecto; No cômputo geral, a participação foi positiva).



Gostaria de saber se consideram a frase seguinte gramaticalmente correcta: "Quando vierem novamente cá a casa, mostrar-vos-ei a minha estufa de plantas exóticas".
Na frase Quando vierem novamente cá a casa, mostrar-vos-ei a minha estufa de plantas exóticas, o pronome oblíquo vos corresponde à 2.ª pessoa do plural, desempenhando a função de complemento indirecto (= a vós), mas o sujeito da forma verbal vierem corresponde à 3.ª pessoa (vocês ou eles). .

Como é referido na resposta você, este pronome de tratamento designa a pessoa a quem se fala (tu/vós), mas, sendo um pronome de 3.ª pessoa, obriga o verbo à concordância com essa pessoa gramatical (daí dizer-se quando vocês vierem e não *quando vocês [= vós] vierdes). Como a ideia de forma de tratamento de 2.ª pessoa está muito presente nos falantes, a tendência é usar o pronome oblíquo vos correspondente à 2.ª pessoa (vós) e não o pronome lhes, correspondente à 3.ª pessoa (vocês/eles). Esta tendência gera construções condenadas por alguns gramáticos, como Paul Teyssier no Manual de Língua Portuguesa (Portugal-Brasil) [pp. 128-132].

Assim sendo, as hipóteses correctas seriam Quando [vocês] vierem novamente cá a casa, mostrar-lhes-ei a minha estufa de plantas exóticas ou Quando [vós] vierdes novamente cá a casa, mostrar-vos-ei a minha estufa de plantas exóticas. O Dicionário de Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, pelo contrário, considera que o pronome vos pode ser usado no tratamento por vocês. O Dicionário Priberam também regista este uso do pronome, mas indica que é muitas vezes desaconselhado. A este respeito, veja-se ainda a resposta vi-os / vi-vos.

O que foi dito acima refere-se à interpretação preferencial, que não invalida uma interpretação menos provável: Quando [eles] vierem novamente cá a casa, mostrar-vos-ei [a vós] a minha estufa de plantas exóticas. Ainda que residual ou dialectal, o uso do pronome vós é possível, como é referido na resposta vós e vocês.

pub

Palavra do dia

fau·ce fau·ce
(latim fauces, -ium)
substantivo feminino

1. [Anatomia]   [Anatomia]  Espaço entre a raiz da língua e a laringe. (Mais usado no plural.) = GARGANTA, GOELA

2. Capacidade interior da garganta, particularmente falando dos animais. (Mais usado no plural.)

3. [Botânica]   [Botânica]  Extremidades do tubo da corola, junto aos lábios desta.

4. [Zoologia]   [Zoologia]  Abertura da concha univalve.

5. Abertura, geralmente grande (ex.: das fauces do vulcão saía lava).

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/sincr%C3%A9ticos [consultado em 14-11-2019]