Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub

para

parapara | prep.
pára-para-pára-para- | pref.
para-para- | pref.
parápará | n. m.
páraparapárapara | n. 2 g.
Será que queria dizer PÁRA ou PARÁ?
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

pa·ra pa·ra


(latim per, por, através de + latim ad, para, em direcção de)
preposição

1. Exprime direcção ou lugar de destino (ex.: arrancou para o Sul; a casa está virada para norte).

2. Exprime lugar de destino com intuito de demora (ex.: foram para Londres e só regressaram passados 30 anos).

3. Indica destinatário ou beneficiário (ex.: trouxe bolinhos para vocês).

4. Indica limite temporal aproximado (ex.: a abertura está prevista para sábado; o vestido está pronto para a semana).

5. Usa-se para indicar a hora exacta que se completará quando passarem os minutos referidos, menos de 30 (ex.: faltam cinco para a uma).

6. Usa-se para exprimir finalidade ou propósito (ex.: lutou para conseguir o que queria; deixaram documentação para que possamos analisar o caso; espremedor para citrinos).

7. Indica intenção (ex.: ando para comprar esse livro).

8. Indica especificidade, aptidão ou adequação de alguma coisa (ex.: comprimido para as dores; casaco para o frio).

9. Indica restrição (ex.: o filme é para maiores de 18 anos).

10. Indica ponto de vista (ex.: para os atletas, o treinador é um modelo).

11. Indica relação, proporção ou comparação (ex.: 1 está para 10 assim como 20 está para 200).


para que
Indica o fim, o objectivo ou a consequência de determinada acção (ex.: preciso de mais tempo, para que isto seja bem feito). = A FIM DE QUE

Confrontar: pára, forma do verbo parar.

pára- |pà|para- |pà|pára- |pà|para- |pà|


(forma do verbo parar)
prefixo

Elemento designativo de aquilo ou aquele que protege ou ampara (ex.: pára-quedas, pára-raios).


• Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990: para-.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: pára-.


• Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990: para-.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: pára-


para- para-


(latim paro, -are, preparar, esforçar-se para obter ou conseguir)
prefixo

Entra na composição de um grande número de palavras com várias significações: ao lado, além, acima de, a par de, à volta de, para, contra, quase (ex.: paranormal, paraolímpico, paratexto).



pa·rá pa·rá


(origem obscura)
nome masculino

[Brasil: Rio Grande do Sul]   [Brasil: Rio Grande do Sul]   [Religião]   [Religião]  Culto religioso de origem afro-brasileira.


pá·ra |pá|pa·ra |pá|pá·ra |pá|pa·ra |pá|


(redução de pára-quedista)
nome de dois géneros

[Portugal, Informal]   [Portugal, Informal]   [Militar]   [Militar]  Soldado especialmente exercitado para descer em pára-quedas na retaguarda inimiga, ou para praticar destruições em pontos estratégicos (ex.: os páras participaram no ataque). = PÁRA-QUEDISTA


• Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990: para.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: pára.


• Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990: para.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: pára

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "para" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Anagramas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Tenho visto e utilizado com frequência a palavra contratualização; no entanto, não sei se a mesma realmente existe em português ou se provém de outra língua qualquer.
O substantivo contratualização é uma derivação do verbo contratualizar. Estas duas palavras seguem as regras de boa formação na língua portuguesa, pois a palavra contratualizar é formada com adjunção do sufixo -izar ao adjectivo contratual, formando um verbo com o significado aproximado de “dar carácter contratual” ou “estabelecer de forma contratual”. A palavra contratualização corresponde, por sua vez, à adjunção do sufixo -ção ao verbo, designando o “acto ou efeito de contratualizar”. Ambas as palavras usam dois sufixos (-izar e -ção) de alta produtividade em português na formação de neologismos (seguem o mesmo paradigma, por exemplo, dos pares actualizar/actualização, conceptualizar/conceptualização, visualizar/visualização) e uma pesquisa em corpora e motores de busca na internet evidencia o seu uso muito divulgado.



Está correcto escrever-se "embaixo"? Ou a única maneira correcta é "em baixo"?
A forma embaixo corresponde a um advérbio de uso comum no português do Brasil. Na norma europeia do português, este advérbio corresponde geralmente à locução adverbial em baixo (ex.: chama o teu irmão, que está lá em baixo; o rapaz andou em baixo durante uns tempos).

Não se trata propriamente de uma variação ortográfica, pois não há nenhuma determinação que recomende o uso de palavra ou locução nestes casos, mas de uma diferença entre a tradição lexicográfica portuguesa (que regista sempre a locução em baixo e não tem registo de embaixo, excepto no Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado) e a tradição lexicográfica brasileira (que preconiza embaixo e apenas regista em baixo como regionalismo de Portugal, nomeadamente no Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa).

pub

Palavra do dia

pon·to·nei·ro pon·to·nei·ro


(pontão, na forma ponton- + -eiro)
nome masculino

1. [Militar]   [Militar]  Militar de engenharia especializado na construção de pontes ou pontões.

2. Construtor de pontões.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/para [consultado em 16-05-2021]