PT
BR
Pesquisar
Definições



nacional

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
nacionalnacional
( na·ci·o·nal

na·ci·o·nal

)


adjectivo de dois génerosadjetivo de dois géneros

1. Relativo à nação (ex.: economia nacional).

2. Pertencente à nação (ex.: monumento nacional, território nacional). = PÁTRIO

3. Feito ou produzido no país (ex.: produto nacional).ESTRANGEIRO

4. Que representa uma nação (ex.: selecção nacional).


adjectivo de dois géneros e nome de dois génerosadjetivo de dois géneros e nome de dois géneros

5. Que ou quem nasceu no país, em oposição a estrangeiro.


adjectivo de dois géneros e nome masculinoadjetivo de dois géneros e nome masculino

6. [Desporto] [Esporte] Diz-se de ou competição em que é apurado um campeão de um país; campeonato nacional (ex.: campeonato nacional; ficou em primeiro lugar no nacional de seniores).

vistoPlural: nacionais.
etimologiaOrigem etimológica:francês national.
iconPlural: nacionais.

Auxiliares de tradução

Traduzir "nacional" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Como é a grafia correta das palavras horti-fruti e tutti-frutti?
A palavra hortifrúti é um regionalismo brasileiro e corresponde à redução do adjectivo hortifrutigranjeiro, ou seja, “que é relativo a produtos da horta, do pomar ou da granja”. Esta palavra está atestada no Dicionário Houaiss e no Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras e deve ser acentuada graficamente no u, pois termina em i e, se não fosse acentuada, ler-se-ia *hortifrutí (o asterisco indica incorrecção).

Tutti frutti é uma locução italiana (não uma palavra hifenizada) que desempenha função substantiva (ex.: gelado de tutti frutti) ou adjectiva (ex.: sumo tutti frutti); significa literalmente “todos os frutos” e designa uma mistura de vários frutos ou de vários aromas de frutos.




Tenho uma dúvida acerca de uma conjugação perifrástica. Para exprimir a necessidade ou obrigatoriedade de praticar uma acção utiliza-se ter que ou ter de? Ou estão ambos correctos?
Em termos semânticos, as duas construções são usadas para designar a necessidade ou obrigatoriedade (e estão registadas em dicionários, nomeadamente no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea, da Academia das Ciências/Verbo, na edição portuguesa do Dicionário Houaiss, do Círculo de Leitores ou no Dicionário Aurélio, da Ed. Nova Fronteira). No entanto, a construção ter que é considerada por vezes como uma construção menos indicada, talvez por ser mais recente na língua.