Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
mangarmangar | v. tr. e intr.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

man·gar man·gar - ConjugarConjugar
(origem controversa, talvez do romani mangar, pedir, mendigar)
verbo transitivo e intransitivo

1. [Informal]   [Informal]  Fingir seriedade, mentir por brincadeira (ex.: ele só pode está a mangar comigo;eles são uns brincalhões, estão sempre a mangar). = BRINCAR, CAÇOAR, GOZAR

2. [Informal]   [Informal]  Fazer troça (ex.: mangaram dele por causa do bigode). = CAÇOAR, CHACOTEAR, ESCARNECER, GOZAR, MOTEJAR, TROÇAR, ZOMBAR

3. [Portugal: Minho]   [Portugal: Minho]  Enfiar o cabo (na ferramenta). = ENCABAR

4. [Brasil]   [Brasil]  Mendigar; solicitar.

5. [Brasil: Sul]   [Brasil: Sul]  Ser lento. = DEMORAR, REMANCHAR

pub

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Como se classifica gramaticalmente a forma levemo-lo?
Gramaticalmente, levemo-lo corresponde a uma forma do verbo levar na primeira pessoa do plural do imperativo (ex.: amigos, levemos isto daqui já), seguido do pronome átono o, que assume a forma -lo por estar a seguir a uma forma verbal terminada num -s (que desaparece: levemos + o = levemo-lo).

A forma levemos, isoladamente, poderá corresponder também ao presente do conjuntivo (ex.: é preciso que levemos isto daqui), mas, como tem o pronome átono em posição enclítica (depois do verbo), não corresponde a esse tempo, pois o presente do conjuntivo é normalmente antecedido da conjunção que, com propriedades de atracção do pronome átono (ex.: é preciso que o levemos daqui), não sendo considerada gramatical uma construção proclítica nesse caso (ex.: *é preciso que levemo-lo daqui).




O plural de DVD é DVDs ou DVD's?
A sigla DVD poderá ser usada com a mesma forma para o singular e para o plural (ex.: um DVD, dois DVD) e é esta a opção considerada mais aconselhável.

Uma sigla é um conjunto formado pelas letras iniciais de várias palavras (ex.: DVD = Digital Versatile Disc), usado como uma única palavra pela soletração das letras que o compõem. Como tal, pode também corresponder ao plural de uma ou mais dessas palavras, sem que as iniciais se alterem (EUA, por exemplo, é uma sigla que corresponde a um plural, Estados Unidos da América, sem que seja necessário uma marca dessa flexão). Por este motivo, poderá considerar-se que não há razão lógica para acrescentar um esse (-s) à sigla referida.

No entanto, é muito usual o uso das marcas de flexão nominal em alguns casos, nomeadamente com adjunção de -s no final (ex.: DVDs). Tal uso, não sendo rejeitado pelas regras de ortografia portuguesa (os acordos ortográficos são omissos nesse aspecto), parece resultar da função nominal destas palavras, a que se associa o -s como marca de flexão em número.

O apóstrofo ou plica a anteceder o -s (ex.: *DVD’s) não deverá ser usado, pois não é um mecanismo de flexão da língua portuguesa.


pub

Palavra do dia

de·sa·mão de·sa·mão
(des- + à + mão)
nome feminino

1. Usado na locução adverbial à desamão.


à desamão
Fora de caminho; fora de jeito; fora de mão.

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/mangar [consultado em 30-05-2020]