Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

ligada

ligadaligada | n. f.
fem. sing. part. pass. de ligarligar
fem. sing. de ligadoligado
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

li·ga·da li·ga·da


(feminino de ligado)
nome feminino

[Informal]   [Informal]  Comunicação que usa o telefone. = TELEFONADA, TELEFONADELA, TELEFONEMA


li·gar li·gar

- ConjugarConjugar

(latim ligo, -are)
verbo transitivo

1. Fazer uma coisa chegar a alcançar outra coisa; fazer a união de algo que está separado (ex.: o Canal da Mancha liga a Grã-Bretanha ao continente). = REUNIR, UNIRSEPARAR

2. Apertar com ligadura, atilho ou afim (ex.: ligaram as mãos e os pés dos reféns). = ATAR, ENLAÇAR, LIGAR, PRENDERDESATAR, DESLIGAR, DESPRENDER, SEPARAR

3. Fazer a mistura homogénea de (ex.: mexer para ligar todos os ingredientes). = EMULSIONAR, MISTURAR

4. Estabelecer relação lógica ou de dependência (ex.: as conjunções ligam partes do discurso). = ASSOCIAR, RELACIONARDESLIGAR, DISSOCIAR

5. Dar importância a (ex.: eles não ligam ao futebol).DESLIGAR

6. Dar atenção a (ex.: a cadela liga pouco aos cachorrinhos).DESLIGAR

7. Dar conexão a. = ENCADEAR

8. Fazer uma chamada por telefone (ex.: ainda não liguei ao aniversariante). = TELEFONAR

verbo transitivo e pronominal

9. Pôr ou ficar um aparelho, dispositivo ou mecanismo em funcionamento (ex.: tem de ligar o microfone; a luz liga-se automaticamente).APAGAR, DESLIGAR

verbo transitivo, intransitivo e pronominal

10. Pôr ou estar em harmonia ou numa combinação adequada (ex.: o vinho escolhido liga muito bem com o prato; os sabores ligam-se bem; estas cores não ligam). = COMBINAR

11. Fazer liga de metais (ex.: ligar ouro e prata; estes metais não ligam; cobre e estanho ligam-se para fazer o bronze).

verbo pronominal

12. Fazer aliança ou coligação. = ALIAR-SE, COLIGAR-SEDESALIAR-SE


li·ga·do li·ga·do


(particípio de ligar)
adjectivo
adjetivo

1. Que se ligou.DESLIGADO

2. Que está protegido por ligadura (ex.: tinha o braço todo ligado).

3. Que está relacionado com.

4. [Figurado]   [Figurado]  Que tem uma forte ligação a (ex.: eles não são muito ligados; não é nada ligada ao partido). = PRÓXIMODESLIGADO

5. Que tem uma consistência uniforme (ex.: a massa ainda está pouco ligada).

6. Que se encontra em funcionamento eléctrico. = ACESOAPAGADO, DESLIGADO

7. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Que está muito atento. = ABSORTO, CONCENTRADOAÉREO, DESLIGADO, DISTRAÍDO

8. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Que está sob a influência de drogas.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "ligada" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Inês Sousa Real confirmou que esteve ligada a duas empresas agrícolas, mas frisou que essa ligação sempre foi do conhecimento público...

Em VISEU, terra de Viriato.

A pressa está directamente ligada ao desenvolvimento rápido deste tipo de veículos e da convicção da indústria e da...

Em O Cheiro da Ilha

Esses ataques foram de jihadistas ligada a Al Caeda..

Em Vida Global

...fundamental para se evitar frustrações futuras Uma ótima experiência com serviços de logística está ligada à escolha da transportadora que se encarregará dessas atividades, afinal ela será responsável por...

Em www.caminhoes-e-carretas.com

overdose, motivada por sua enfermeira, que estava ligada ao KGB, chefiado por Andropov..

Em Geopedrados
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber se as palavras escritas em letras maiúsculas são acentuadas. Ex.: ÁRVORE.
Na ortografia portuguesa, as palavras têm a mesma acentuação independentemente de serem grafadas com letras maiúsculas ou minúsculas. Assim, se pretender escrever árvore, ébano, ímpeto, óbito, único com inicial maiúscula ou totalmente em maiúsculas, deverá escrever Árvore ou ÁRVORE, Ébano ou ÉBANO, Ímpeto ou ÍMPETO, Óbito ou ÓBITO ou Único ou ÚNICO.

O texto do Acordo Ortográfico, que regula a ortografia do português europeu e que tem regras específicas para o uso de maiúsculas nas bases XXXIX a XLVII, não refere explicitamente este assunto, mas o próprio texto legal contém sempre acentos em maiúsculas, nomeadamente em palavras como "MINISTÉRIO", "Ámon", "Áustria-Hungria", "Nun'Álvares", "Índias" ou no nome do Presidente da República em 1945, "ANTÓNIO ÓSCAR DE FRAGOSO CARMONA".

Outras ortografias de línguas românicas próximas do português, como o espanhol ou o francês, têm o mesmo comportamento. A Real Academia Española (Ortografía de la Lengua Española, Madrid: Editorial Espasa Calpe, 1999, p. 53) refere explicitamente que as maiúsculas levam acento e que a Academia nunca estabeleceu uma norma em sentido contrário. Quanto ao francês, a tradição escolar costuma ensinar que as maiúsculas podem não ser acentuadas, não sendo essa, no entanto, a posição da Académie Française, que recomenda o uso sistemático das maiúsculas acentuadas; também a União Europeia, no Código de Redacção Interinstitucional relativo ao francês postula que as maiúsculas são, em princípio, sempre acentuadas (http://publications.europa.eu/code/fr/fr-240203.htm).




Como dizer correctamente: ...a área que mais lhe fascina ou ... a área que mais a fascina?
O verbo fascinar é tradicionalmente registado nos dicionários como transitivo directo, isto é, como um verbo que selecciona um complemento nominal obrigatório que não é introduzido por uma preposição (ex.: esta área fascinou o aluno), não sendo consideradas aceitáveis construções com um complemento indirecto, isto é, um complemento nominal obrigatório introduzido por uma preposição (ex.: *esta área fascinou ao aluno; o asterisco indica agramaticalidade). Quando há pronominalização dos complementos de terceira pessoa, o complemento directo corresponde aos pronomes pessoais o, a os, as e o complemento indirecto aos pronomes pessoais lhe, lhes. Assim, relativamente aos exemplos acima referidos, a pronominalização do complemento directo da frase esta área fascinou o aluno deve ser feita com o pronome o (esta área fascinou-o), pois trata-se de um complemento directo, e não com o pronome lhe (*esta área fascinou-lhe).

Em relação às frases apontadas na dúvida colocada, o caso é o mesmo. Deverá ser usada a construção a área que mais a fascina (equivalente a a área que mais fascina alguém) e não a construção *a área que mais lhe fascina (equivalente a *a área que mais fascina a alguém).

pub

Palavra do dia

chi·me·co |é|chi·me·co |é|


(inglês shoemaker, sapateiro)
nome masculino

[Portugal: Madeira, Informal]   [Portugal: Madeira, Informal]  Pessoa de baixa estatura. = BAIXOTE

Confrontar: chumeco.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/ligada [consultado em 29-11-2021]