Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

inter-racial

inter-racialinter-racial | adj. 2 g.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

in·ter·-ra·ci·al in·ter·-ra·ci·al


(inter- + racial)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

Que se efectua ou observa entre indivíduos de raças diferentes.

Plural: inter-raciais.Plural: inter-raciais.
pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

consumidor e pelos direitos das mulheres. Ela também escreveu The Little Black Book: Black Male Survival in America (1985), em vista do racismo endêmico nos Estados Unidos contra os afro-americanos. Em 1977, Taylor voltou a trabalhar como enfermeira e tornou-se cofundadora do Institute for Inter-Racial

Em NOTÍCIAS SOBRE AVIAÇÃO AVIATION NEWS

entrou o inevitável casal « inter-racial » e, mais tarde, uma família claramente com massa, francófona (isto soube quando saíram. As mesas estão demasiado afastadas para se ouvir seja o que for). O menu é relativamente pobre, o serviço lento mas atencioso. O empregado encheu-se de cuidados para servir o

Em Don Vivo

de inglês, também ela filha de um pregador. Um amor profundo, atormentado e inter-racial , que se move nos paradoxos da América contemporânea. Sobre autor: Marilynne Robinson nasceu em novembro de 1943, em Sandpoint, no estado de Idaho, nos EUA. Estudou na Pembroke College, da Brown University, tendo

Em www.clubedoslivros.pt

Mais um caso de crime inter-racial nos EUA - em Georgetown, Carolina do Norte, uma jovem branca e seu padrasto foram assassinados pelo «jovem» que na foto se vê. Claro que isto não causa «indignação» nos militantes da «indignação» anti-racista encomendada, porque se trata aqui de toda uma

Em GLADIUS

, sendo possível perceber-se o entusiasmo a diminuir a cada revelação. Bem-vindo à idade adulta, meu caro, onde o bom sexo não é tudo. Lauren & Cameron O único casal inter-racial do grupo. Ela é negra, e gira que se farta, ele parece um “príncipe da Disney” (palavras dela). Para um homem da ciência - o

Em bloglikeaman.com
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Inseri, no vosso corrector ortográfico, a palavra “desejante” que, há tempos, vi escrita, erradamente, em vez do adjectivo “desejoso”. Para surpresa minha, o citado corrector, no português de Portugal, não acusa o erro.
A palavra desejante, apesar de não se encontrar registada em nenhum dos dicionários de língua portuguesa à nossa disposição, está averbada no Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras e apresenta-se correctamente formada (através da aposição do sufixo -ante ao verbo desejar), daí a sua inclusão no léxico do corrector ortográfico do FLiP. O adjectivo desejante, cujo uso é bastante frequente (como se pode verificar através de pesquisas em corpora e motores de busca da Internet), partilha do significado do adjectivo desejoso (ex.: ela é uma pessoa desejosa de conhecimento = ela é uma pessoa desejante de conhecimento), apesar de este ser mais frequente e estar já consagrado pelo uso. Ambos resultam de processos regulares de derivação no português, pela junção, respectivamente, do sufixo -ante ao radical de um verbo e do sufixo -oso ao radical de um substantivo.



Gostaria que me explicassem qual das expressões é a correta:
"Isto não tem nada a ver com aquilo."
"Isto não tem nada haver com aquilo."
Das frases que menciona, apenas a primeira (isto não tem nada a ver com aquilo) está correcta, pois, neste caso, a locução ter a ver com significa "estar relacionado com" ou "dizer respeito a" (ex.: fisicamente, o filho não tem nada a ver com o pai; quem disse que eu tenho alguma coisa a ver com essa história?). A segunda frase (*isto não tem nada haver com aquilo) está incorrecta e a dúvida resulta da semelhança fonética do verbo haver com a sequência a ver da locução ter a ver com.

É também a proximidade fonética entre ter a ver (com) e ter a haver que está na origem de outra dúvida muito semelhante, comum a muitos falantes de português, a que já respondemos aqui. É o caso em que a locução ter a ver (com) é confundida com a locução ter a haver, muito mais rara, que significa "ter a receber" ou “ficar na posse de algo” (ex.: a senhora ainda tem troco a haver; já recebi tudo, não tenho mais nada a haver). Nesse caso, qualquer frase decorrente de uma estrutura como ela não tem nada a _____ [ver/haver] com aquilo, é correcta: ela não tem nada a ver com aquilo significa “ela não tem relação com aquilo; aquilo não lhe diz respeito”; ela não tem nada a haver com aquilo significa “ela não recebe nada com aquilo”. No entanto, é altamente provável que, no caso dessa estrutura, a intenção seja indicar que o assunto ou a situação de que se está a falar [aquilo] não diz respeito ao interlocutor ou ao sujeito de quem se fala, pelo que, nesse caso, a única forma correcta de transmitir esse significado é através da locução ter a ver com, tal como ela é usada na frase isto não tem nada a ver com aquilo.

pub

Palavra do dia

ar·tão ar·tão


(grego ártos, -ou, bolo ou pão de farinha de trigo)
nome masculino

[Pouco usado]   [Pouco usado]  Alimento feito de massa de farinha de cereais cozida num forno. = PÃO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/inter-racial [consultado em 16-10-2021]