Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

inação

inacçãoinaçãoinação | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

i·nac·ção |àç|i·na·ção |àç|i·na·ção |àç|


nome feminino

1. Falta de acção.

2. Inércia.

3. Indolência.

4. Frouxidão de carácter.


• Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990: inação.
• Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: inacção.


• Grafia no Brasil: inação.

• Grafia em Portugal: inacção.
pub

Parecidas

Anagramas

Dúvidas linguísticas


Já percebi que, com a entrada em vigor do acordo ortográfico de 1990, os nomes dos meses e das estações do ano passarão a ser escritos em minúsculas. O que eu não percebi é a razão dessa alteração. Alguém me pode esclarecer? Diga-se de passagem que também nunca percebi porque é que, desde o acordo ortográfico de 1945, os nomes dos dias da semana passaram a ser escritos com minúsculas... Será pela mesma razão?
O uso de maiúsculas está integrado num conjunto de regras ortográficas convencionadas. Neste caso, os nomes de meses e estações do ano passaram a ser considerados nomes comuns com o Acordo Ortográfico de 1990, atendendo ao seu paradigma morfológico e à aproximação ao paradigma dos dias da semana.

Relativamente aos nomes dos dias da semana e da sua grafia com minúscula já segundo o Acordo Ortográfico de 1945, Rebelo Gonçalves (Tratado de Ortografia da Língua Portuguesa, Coimbra: Atlântida Livraria Editora, 1947, p. 301) referia como único argumento que “ao contrário dos demais cronónimos, os nomes dos dias da semana escrevem-se, em obediência à tradição, com minúscula inicial”, o que não é minimamente esclarecedor, mas nos elucida sobre o tipo de lógica subjacente às convenções ortográficas.




Sou formanda de um curso de qualificação profissional e no âmbito do mesmo tenho aulas de Português. Pelo menos duas vezes, fui confrontada com ensinamentos que não me parecem correctos.
Primeira: a professora diz-nos que o advérbio de modo raramente é uma palavra esdrúxula. Recordo ainda a voz da minha professora da Escola Secundária, dizendo-nos que todos os advérbios de modo são palavras graves. Não importa de que adjectivo venham, ao transformarem-se em advérbios de modo a sílaba tónica passa a ser “men” (a penúltima) e, portanto, são palavras graves.
Segunda: esta senhora pôs-nos hoje a completar frases com o presente do conjuntivo de alguns verbos. Uma das frases compreendia a primeira pessoa do plural do verbo conseguir que ela completou com "consígamos" (até o corrector ortográfico do computador discorda!). Esta eu já verifiquei no vosso site (perdoem-me os anglicismos) e efectivamente não vejo acento no i.
De facto, os advérbios terminados em -mente são palavras graves (ou paroxítonas) e nunca esdrúxulas (ou proparoxítonas), porque este sufixo possui o acento de intensidade na penúltima sílaba (-men-).

Sobre a segunda questão, consulte por favor a resposta à dúvida peçamos e tragamos.

pub

Palavra do dia

al·gi·be·be al·gi·be·be


(árabe al-jabbab)
nome masculino

Pessoa ou loja que vende roupa pronta a vestir, nova ou usada, mas geralmente de fraca qualidade. = ALJUBETA, ALJUBETEIRO, JUBETEIRO, ROUPA-VELHEIRO

Feminino: algibeba.Feminino: algibeba.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/ina%C3%A7%C3%A3o [consultado em 01-02-2023]