Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

humilhado

humilhadohumilhado | adj. n. m.
masc. sing. part. pass. de humilharhumilhar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

hu·mi·lha·do hu·mi·lha·do


(particípio de humilhar)
adjectivo e nome masculino
adjetivo e nome masculino

1. Que ou quem se humilhou.

2. Que ou quem sofreu ou que sente humilhação.


hu·mi·lhar hu·mi·lhar

- ConjugarConjugar

(latim humilio, -are, abaixar, abater)
verbo transitivo

1. Tornar humilde.

2. Rebaixar, vexar.

3. Tratar desdenhosamente a.

4. Abater, submeter.

verbo pronominal

5. Mostrar humildade.

6. Submeter-se; render-se; prostrar-se.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "humilhado" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

As últimas eleições legislativas, durante as quais o voto dos emigrantes foi vergonhosamente humilhado e até desperdiçado, trouxeram-nos à atenção o eterno problema da utilidade do voto dos...

Em Jacarandá

As últimas eleições legislativas, durante as quais o voto dos emigrantes foi vergonhosamente humilhado e até desperdiçado, trouxeram-nos à atenção o eterno problema da utilidade do voto dos...

Em sorumb

completamente HUMILHADO ..

Em Coluna D'Águias Gloriosas

Quando às vezes era mesmo humilhado em debates na Assembleia da República pelo PS" , disse Cavaco Silva, num excerto...

Em Outra Margem

o BENFICA a ser HUMILHADO ..

Em Coluna D'Águias Gloriosas
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Tenho algumas dúvidas relativamente à posição do pronome nas seguintes estruturas gramaticais, deve dizer-se: a) gostava de o ver ou gostava de vê-lo; b) tenho o prazer de o convidar ou tenho o prazer de convidá-lo?
Nas frases apontadas, ambas as hipóteses podem ser utilizadas e nenhuma delas é considerada incorrecta. Nas hipóteses gostava de vê-lo e tenho o prazer de convidá-lo, o pronome átono o ocupa a sua posição canónica, à direita do verbo de que depende (ver e convidar, respectivamente), mas, na colocação dos clíticos, as preposições provocam geralmente a próclise, isto é, a atracção do clítico para antes do verbo (gostava de o ver e tenho o prazer de o convidar). Esta colocação proclítica é, no entanto, obrigatória quando o verbo está no infinitivo flexionado (ex.: Empresto-te o livro, mas é para o leres com atenção; Ele indignou-se por lhe omitirmos informação; e nunca *Empresto-te o livro, mas é para lere-lo com atenção; *Ele indignou-se por omitirmos-lhe informação; o asterisco indica agramaticalidade).

A descrição feita acima não se aplica à preposição a, com a qual não há geralmente atracção do clítico (ex.: Eles estavam a insultar-se; Aconselhei as crianças a reconciliarem-se; e não *Eles estavam a se insultar; Aconselhei as crianças a se reconciliarem), senão em registos dialectais do português europeu e, mais frequentemente, no português do Brasil.




1. Mal-formação ou malformação genética? Plural: malformações? 2. Como é mais correto: má perfusão ou mal-perfusão? Ex.: "hipofluorescência por má perfusão sub-retiniana compatível com degeneração miópica" // "hipofluorescência por mal-perfusão sub-retiniana compatível com atrofia central areolar".
Em relação à primeira dúvida, a grafia correcta é malformação (plural: malformações), como pode verificar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.

Quanto à segunda dúvida, o termo que questiona não se encontra registado nos dicionários consultados nem como malperfusão (cuja forma correspondente inglesa malperfusion é de uso generalizado), nem como má-perfusão, pelo que se aconselha a grafia de locução: má perfusão.

Esta dúvida retoma a questão sobre o uso do advérbio mal justaposto a um substantivo: de acordo com as regras da língua portuguesa, um substantivo (ex.: ) é geralmente modificado por um adjectivo (ex.: ), o que está na origem de formas como má-fé (e não malfé), enquanto um verbo (ex.: fadar) é habitualmente modificado por um advérbio (ex.: mal), o que está na origem de formas como malfadar (e não maufadar).

Esta polémica já se fez sentir relativamente ao par malformação/má-formação, tendo o uso consagrado a forma malformação, seja por influência das formas francesa e inglesa malformation, seja pela percepção de mal- como um prefixo. Aliás, segundo o Vocabulário da Língua Portuguesa de Rebelo Gonçalves (Coimbra: Coimbra Editora, 1966, p. 630), o prefixo mal- escreve-se com hífen apenas quando o elemento que se lhe segue começa por vogal (ex.: mal-estar) ou h (ex.: mal-humorado); nos restantes casos, é sempre aglutinado (ex.: malcriado, malquerente, malsão).

Esta reflexão pode aplicar-se a ainda outras palavras como malcriação, malquerença ou malsonância.

pub

Palavra do dia

cor·mo·rão cor·mo·rão


(francês cormoran)
nome masculino

[Ornitologia]   [Ornitologia]  Designação dada a várias aves aquáticas do género Phalacrocorax, de plumagem negra ou acinzentada, pescoço longo, bico comprido e recurvado e patas curtas, do tamanho aproximado de um pato. = BIGUÁ, CORVO-MARINHO, GALHETA

Plural: cormorões.Plural: cormorões.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/humilhado [consultado em 03-07-2022]