PT
BR
Pesquisar
Definições



frade

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
fradefrade
( fra·de

fra·de

)
Imagem

Marco ou elemento vertical, geralmente de pedra, colocado geralmente em ruas, passeios ou entradas para delimitar ou impedir a passagem ou estacionamento de veículos (ex.: frade de pedra).


nome masculino

1. Homem que se tornou membro de ordem religiosa. [Feminino: freira.] = MONGE

2. Marco ou elemento vertical, geralmente de pedra, colocado geralmente em ruas, passeios ou entradas para delimitar ou impedir a passagem ou estacionamento de veículos (ex.: frade de pedra).Imagem = FRADÉPIO

3. Chupeta.

4. [Tipografia] [Tipografia] Defeito na impressão de uma folha.

5. [Tipografia] [Tipografia] Folha mal impressa.

6. [Botânica] [Botânica] O mesmo que feijão-frade.

7. Peça do tear em que se enrola o fio de que se faz a franja.

8. Cada uma das duas peças de ferro que sustentam aquela em que o espadeiro açacala as lâminas.

9. [Portugal: Minho, Trás-os-Montes] [Portugal: Minho, Trás-os-Montes] [Biologia] [Biologia] Cogumelo comestível, com chapéu com 10 a 30 centímetros, muito usado na alimentação. = PÚCARA

10. [Marinha] [Marinha] Coluna à ré do mastro grande.

11. [Ictiologia] [Ictiologia] Grande peixe abissal.

12. [Ornitologia] [Ornitologia] Ave pernalta (Recurvirostra avosetta) limícola, de bico comprido, fino e muito curvado para cima, patas azuladas e plumagem branca e preta. = ALFAIATE, AVOCETA, SOVELA

etimologiaOrigem etimológica:latim frater, -tris, irmão.
Colectivo:Coletivo:Coletivo:convento, fradalhada, fradaria, ordem.

Auxiliares de tradução

Traduzir "frade" para: Espanhol Francês Inglês

Anagramas



Dúvidas linguísticas



USO CAPEÃO: é uma figura que se utiliza em direito, em que a pessoa solicita a propriedade de um terreno ou objecto que está na sua posse há bastante tempo mas não tem documento que prove essa posse. A palavra capeão ( ou capião ??) tem o sentido de posse.
À figura jurídica a que se refere dá-se o nome de usucapião (derivado do latim usucapionem), como poderá verificar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.



Numa frase: o fulano leva-nos o dinheiro todo. Eu quero abreviar: o fulano leva-no-lo todo. Será correcto?
Como poderá constatar na Gramática do Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, na secção Pronomes, o pronome clítico de complemento directo de terceira pessoa masculino é o, sendo que, quando é antecedido de uma forma verbal ou de outro clítico terminado em s, se lhe acrescenta um l (ex.: leva-nos o dinheiro = leva-no-lo; comprou-vos o terreno = comprou-vo-lo; chamámos o professor = chamámo-lo). A mesma regra se aplica, obviamente, em caso de flexão do pronome clítico em questão (ex.: leva-nos as malas = leva-no-las; comprou-vos a casa = comprou-vo-la; chamámos os professores = chamámo-los).