Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub

faixa

faixafaixa | n. f. | n. f. pl.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

fai·xa fai·xa


(latim fascia, -ae)
nome feminino

1. Tira de tecido para cingir a cintura. = CINTA

2. Tira para apertar alguma coisa. = ATADURA, BANDAGEM, CINTA

3. Objecto ou superfície de forma comprida e estreita.

4. Tira, lista, língua, zona.

5. Cada uma das partes de uma estrada destinadas ao trânsito de veículos (ex.: faixa da direita, faixa da esquerda, faixa de rodagem).

6. Cada uma das músicas ou cada um dos registos de som individuais gravados num disco.

7. [Arquitectura]   [Arquitetura]   [Arquitetura]  Friso chato entre a arquitrave e a cornija.

8. [Astronomia]   [Astronomia]  Zona em volta de um planeta.

9. [Heráldica]   [Heráldica]  Banda transversal.

10. [Brasil]   [Brasil]   [Desporto]   [Esporte]  Tira colorida que se coloca à cintura para identificar o nível do praticante de alguns desportos como o judo ou o caraté (ex.: faixa preta).Ver imagem = CINTURÃO


faixas
nome feminino plural

11. Mantilhas (de criança).


faixa de pedestres
[Brasil]   [Brasil]  Sinalização colocada sobre os pavimentos, destinada à passagem ou atravessamento dos peões. (Equivalentes no português de Portugal: passagem de peões, passadeira.) = ZEBRA

faixa de rodagem
[Portugal]   [Portugal]  Parte da via pública que se destina ao trânsito de veículos. (Equivalente no português do Brasil: pista de rolamento.)

faixa de segurança
[Brasil]   [Brasil]  O mesmo que passagem de peões.

faixa do cidadão
[Brasil]   [Brasil]  Banda de frequência à volta dos 27 MHz, utilizada nomeadamente por radioamadores que possuem aparelhos receptores e emissores. (Equivalente no português de Portugal: banda do cidadão.)

faixa etária
Cada um dos intervalos em que se agrupam pessoas de idade aproximada (ex.: o filme adequa-se à faixa etária infanto-juvenil).

pub

Parecidas

Palavras vizinhas

Anagramas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Bavária ou Baviera? Não é Baviera a forma portuguesa para a região alemã Bayern? A Wikipedia diz "Bavária - forma ortograficamente incorreta em português" e o vosso corretor FLiP reconhece as duas formas...
Ambas as formas estão previstas nos dicionários e vocabulários de referência, sendo que Baviera é a forma que vem pelo francês e Bavária a forma mais próxima do étimo latino.

José Pedro Machado, no seu Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa (Ed. Confluência, Lisboa, 1984) remete Bavária para Baviera. Rebelo Gonçalves, no Vocabulário da Língua Portuguesa (Coimbra, Coimbra Editora, 1966), diz que Baviera é forma menos preferível que Bavária mas consagrada pelo uso. O FLiP reconhece por isso as duas formas.




Li o texto do Acordo Ortográfico de 1990 e outros textos sobre o assunto, e tomava a liberdade de perguntar qual a posição da Priberam relativamente aos prefixos sub-, ad- e ab- quando seguidos por palavra iniciada por r cuja sílaba não se liga foneticamente com o prefixo. Concretizando: sub-rogar ou subrogar; ad-rogar ou adrogar; ab-rogar ou abrogar? O Acordo, aparentemente, é omisso quanto à matéria, e já vimos opções diferentes da por vós tomada na versão 7 do FLIP.
O texto legal do Acordo Ortográfico de 1990 (base XVI) é, de facto, omisso relativamente ao uso de hífen com prefixos terminados em consoantes oclusivas (como ab-, ad- ou sub-) quando o segundo elemento da palavra se inicia por r (como em ab-rogar, ad-rogar ou sub-rogar). Para que seja mantida a pronúncia [R] (como em carro) do segundo elemento, terá de manter-se o hífen, pois os casos de ab-r, ad-r, ob-r, sob-r, sub-r e afins são os únicos casos na língua em que há os grupos br ou dr (que se podiam juntar a cr, fr, gr, pr, tr e vr) sem que a consoante seja uma vibrante alveolar ([r], como em caro ou abrir). Se estas palavras não contiverem hífen, o r ligar-se-á à consoante que o precede e passará de vibrante velar (ex.: ab[R], sub[R]) a vibrante alveolar (ex.: ab[r], sub[r]). Não se pode, por isso, alterar a fonética por causa da ortografia, nem alterar a grafia, criando uma excepção ortográfica, só porque o legislador/relator ou afim escamoteou ou esqueceu este caso. O argumento de que a opção de manter o hífen nestes casos segue o espírito do acordo pode reforçar-se se olharmos, por exemplo, para os casos dos elementos de formação circum- e pan-, onde não se criam excepções à estrutura silábica, nem à pronúncia (cf. circum-escolar e não circumescolar; pan-africano e não panafricano).
Pelos motivos expostos, a opção da Priberam é manter o hífen nos casos descritos.

pub

Palavra do dia

jor·na·de·ar jor·na·de·ar

- ConjugarConjugar

(jornada + -ear)
verbo intransitivo

Ir de jornada, de viagem. = VIAJAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/faixa [consultado em 14-04-2021]