Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

estoirado

estoiradoestoirado | adj. n. m.
masc. sing. part. pass. de estoirarestoirar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

es·toi·ra·do es·toi·ra·do


(particípio de estoirar)
adjectivo e nome masculino
adjetivo e nome masculino

O mesmo que estourado.


es·toi·rar es·toi·rar

- ConjugarConjugar

(origem obscura)
verbo transitivo e intransitivo

O mesmo que estourar.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "estoirado" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Quando voltei fui envergonhado perante os colegas pois tinha estoirado com a banda dos salários..

Em Ourem

...foi apresentado na reunião de câmara de 15 de julho de 2019 , tinha estoirado ..

Em Outra Margem

equilíbrio e da importância regional desta estrutura, também tem estoirado dinheiros públicos nas novas tecnologias e nas apregoadas “Plataforma de Emergência e Proteção Civil...

Em Viseu, Senhora da Beira...

diárias com os filhos do Fábio e do Maria, chegáva à noite totalmente estoirado ..

Em A minha visão do Mundo...

E o turista solitário, estoirado de cansaço, acocorado no degrau duma porta, à sombra, de olhar perdido

Em a peida é um regalo ... do nariz a gente trata
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Sou assíduo consultor do site da Priberam para dúvidas sobre significação de palavras. Mas não consegui entender a diferença entre as palavras aluguéis e alugueres. Poderiam por favor esclarecer-me?
Aluguéis é a forma do plural do substantivo aluguel. Alugueres é a forma do plural do substantivo aluguer. As duas palavras aluguel e aluguer são sinónimas, sendo a primeira mais usada no português do Brasil e a segunda no português de Portugal.



É correcto dizer Explicações do 5º ao 12º anos?
A expressão a usar deverá ser preferencialmente explicações do 5.º ao 12.º ano.

Trata-se de uma expressão para indicar um intervalo que tem como limites o 5.º ano e o 12.º ano, em dois sintagmas nominais diferentes, com utilização da preposição de em correlação com a preposição a. A expressão será equivalente a explicações do 5.º ano ao 12.º ano, sem a elisão (usual para evitar repetição) da primeira referência a ano, pelo que, do ponto de vista lógico, não há motivo para colocar ano no plural, pois serão sempre dois sintagmas diferentes, um indicando o limite inicial e outro o limite final.

Esta dúvida surge provavelmente por analogia com outras construções em que há dois ou mais sintagmas nominais que desempenham exactamente a mesma função gramatical, nomeadamente estruturas de coordenação, copulativas (ex.: o 5.º e 6.º anos não tiveram aulas) ou disjuntivas (ex.: a ficha destina-se ao 5.º ou 6.º anos), em que os sintagmas nominais podem inclusivamente ser substituídos por um único grupo nominal ou pronome (ex.: esses anos não tiveram aulas; a ficha destina-se a ambos os anos). O mesmo tipo de substituição não pode ser feito no exemplo referido na questão colocada, pois perder-se-ia a indicação dos limites.

pub

Palavra do dia

pas·si·nhar pas·si·nhar


(passinho, diminutivo de passo + -ar)
verbo intransitivo

Dar passos muito pequenos; andar com pequenos passos. = PASSARINHAR, PASSARITAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/estoirado [consultado em 01-12-2021]