PT
BR
Pesquisar
Definições



banguela

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
banguelabanguela
|gué| |gué|
( ban·gue·la

ban·gue·la

)


adjectivo de dois géneros e nome de dois génerosadjetivo de dois géneros e nome de dois géneros

1. [Brasil] [Brasil] Que ou quem é parcial ou totalmente privado de dentes. = BENGUELA, DESDENTADO, EDÊNTULO

2. [Brasil] [Brasil] Que ou quem fala como se fosse desdentado. = BENGUELA

3. [Etnografia] [Etnografia] Que ou quem pertence aos banguelas, povo banto que habita a região de Benguela, em Angola. = BENGUELA

4. [Brasil, Informal] [Brasil, Informal] Posição relativa dos órgãos de uma máquina tal que a força motriz se encontra momentaneamente normal à trajectória obrigatória do seu ponto de aplicação. = PONTO MORTO

etimologiaOrigem etimológica:Benguela, topónimo [província e cidade angolana].

Esta palavra no dicionário



Dúvidas linguísticas



Porque é que há uma insistência tão grande em dizer deslargar, destrocar, etc? Há alguma razão que eu desconheça? Na minha modesta opinião estas palavras são insultos à nossa bela língua portuguesa. Estarei certa?
O prefixo des-, para além de exprimir as noções de afastamento (ex.: desabafar, deslocar), negação ou privação (ex.: desacordar, desagradável), cessação (ex.: desimpedir, desacelerar) ou separação (ex.: descascar, desfolhar), é também utilizado na língua portuguesa como partícula de reforço. Assim, poderá encontrar em dicionários de português palavras como desabalar, destrocar ou desinquieto, registadas devido à sua frequência, apesar de serem geralmente aceitáveis apenas em contextos mais informais e na oralidade. O falante deverá sempre adequar a utilização destas palavras ao nível de língua apropriado.

Existem outros prefixos na língua com esta função de reforço. São os chamados prefixos protéticos, porque não acrescentam valores semânticos às palavras às quais se apõem (ex.: amostrar, assoprar).




Qual o plural para a expressão alerta ou em alerta? As orações Eles permanecem alertas e Eles permanecem em alerta estão corretas?
Nenhuma das expressões referidas pode ser considerada incorrecta.

A palavra alerta pode ser usada como advérbio, como adjectivo, como substantivo ou como interjeição.

Como advérbio mantém-se sempre invariável (ex.: ela permanece alerta; eles permanecem alerta).

Como adjectivo é uniforme, flexiona em número e concorda com o nome que qualifica (ex.: as pessoas permanecem alertas; a presa alerta conseguiu escapar do leão).

Como interjeição, pode ser usada, de forma invariável, para avisar ou solicitar atenção ou cuidado (ex.: alerta, camaradas!).

A palavra alerta pode ainda ser usada como substantivo masculino, admitindo apenas flexão em número (ex.: o guarda deu o alerta quando um dos prisioneiros se pôs em fuga; não prestaram atenção aos alertas dados pelo guarda).

A locução adverbial em alerta está correcta (neste caso, alerta assume a classificação de substantivo) e também se mantém invariável em qualquer dos contextos usados (ex.: ele permanece em alerta; eles permanecem em alerta).