PT
BR
Pesquisar
Definições



alça

A forma alçapode ser [segunda pessoa singular do imperativo de alçaralçar], [terceira pessoa singular do presente do indicativo de alçaralçar], [interjeição] ou [nome feminino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
alça1alça1
( al·ça

al·ça

)
Imagem

Tira de tecido ou de outro material que passa pelos ombros, usada para segurar certas peças de roupa (ex.: vestido de alças cruzadas; sutiã com alças de silicone).


nome feminino

1. Tira de tecido ou de outro material que passa pelos ombros, usada para segurar certas peças de roupa (ex.: vestido de alças cruzadas; sutiã com alças de silicone).Imagem

2. Tira de couro ou de outro material de um objecto, usada para o segurar, levantar ou transportar (ex.: alças da mochila).Imagem

3. Suspensório de calças.

4. Puxadeira de bota.

5. Buraco no assento do banco para o levantar com os dedos.

6. Parte que mantém estendida a aba da mesa.

7. Asa ou argola adaptada a certos objectos para os levantarmos com facilidade.

8. Pedaço de sola para altear a forma do calçado.

9. Presente; recurso.

10. [Anatomia] [Anatomia] Parte arqueada de um órgão ou de outra estrutura anatómica (ex.: alça intestinal; alça jejunal).

11. [Armamento] [Armamento] O mesmo que alça de mira.

12. [Marinha] [Marinha] Peça cavada, no interior da qual está a roda do poleame.

13. [Marinha] [Marinha] Estropo do poleame.


alça de mira

[Armamento] [Armamento]  Peça que fica mais perto do olho do atirador, no aparelho de mira de uma arma, no centro da qual deve ser alinhada a maça de mira para melhor pontaria.

etimologiaOrigem etimológica:derivação regressiva de alçar.
alça2alça2
( al·ça

al·ça

)


interjeição

Expressão empregada especialmente para mandar levantar as patas às bestas ao ferrá-las.

etimologiaOrigem etimológica:imperativo de alçar.
alçaralçar
( al·çar

al·çar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Levantar do chão, ou de ponto baixo, para pôr em alto.

2. Erguer.

3. Dar maior altura a.

4. Edificar.

5. Celebrar, exaltar.

6. Promover a maior dignidade.

7. Interromper a acção de suspender.

8. Elevar.

9. Aumentar.

10. [Tipografia] [Tipografia] Pôr as folhas impressas de um livro na ordem em que devem ser cosidas. = ALCEAR


verbo pronominal

11. Levantar-se; erguer-se.

12. Rebelar-se.

13. Ensoberbecer-se.

14. Desistir.

Auxiliares de tradução

Traduzir "alça" para: Espanhol Francês Inglês

Anagramas



Dúvidas linguísticas



As palavras segmentos e seguimentos têm o mesmo significado? Ambas podem ser empregadas na seguinte frase: ... em cooperação com outros seguimentos [ou segmentos?], tais como órgãos públicos, universidades?
As palavras segmentos e seguimentos (que se pronunciam de modo semelhante no português do Brasil, mas não no de Portugal) não são sinónimas, ou seja, não têm o mesmo significado, como pode verificar seguindo as respectivas hiperligações para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa. Como tal, na frase que refere, a palavra que deve ser usada é segmentos, designando “sectores” (...em cooperação com outros segmentos, tais como órgãos públicos, universidades).



Gostaria de saber a vossa definição da palavra antropofágico e gostaria também que me dessem um exemplo de como a palavra escatológico pode ser usada com vários sentidos.
O adjectivo antropofágico designa o que é relativo a antropofagia ou a antropófago (cujas definições poderá encontrar no Dicionário da Língua Portuguesa On-line, seguindo as hiperligações) e pode, na maioria dos contextos, ser sinónimo de canibalesco.

O adjectivo escatológico diz respeito a escatologia, mas, atendendo a que esta palavra corresponde a dois homónimos (isto é, palavras que se escrevem e lêem de maneira igual, mas que têm significados e etimologias diferentes), pode ter significados diferentes consoante os contextos. Por exemplo, humor escatológico poderá dizer respeito ao humor feito com recurso a alusões aos excrementos e necessidades fisiológicas; por outro lado, filosofia escatológica poderá dizer respeito à filosofia que trata do que pode acontecer no fim do mundo ou no fim dos tempos.