PT
BR
Pesquisar
Definições



Pesquisa nas Definições por:

alcatifado

tripó | n. m.

Tripeça com assento triangular de couro e os pés unidos....


bilhar | n. m.

Móvel alcatifado em forma de mesa, circundado de tabelas almofadadas, dotado ou não de seis buracos....


alcatifa | n. f.

Tapete grande para o chão....


tarima | n. f.

Estrado alcatifado debaixo de dossel....


vestido | n. m. | adj.

Atapetado, alcatifado....


carpete | n. f. | n. m.

Tapete grande, de forma rectangular, que forra o soalho de uma casa....


assentador | adj. n. m. | n. m.

Que ou quem assenta ou se assenta....


tapeçaria | n. f.

Estofo tecido, bordado ou lavrado, para decorar ou forrar paredes, móveis ou soalhos....


atapetar | v. tr.

Dispor tapetes em....


alcatifador | n. m.

Pessoa que faz ou coloca alcatifas (ex.: ofício de alcatifador)....


passadeira | n. f.

Tira de pano, lona, oleado ou outro material, colocada sobre alcatifas, pavimentos ou escadas....


tapete | n. m.

Espécie de estofo fino com que se cobrem, adornam ou protegem pavimentos....


vestir | v. tr. | v. intr. | v. pron.

Pôr no corpo uma peça de roupa....



Dúvidas linguísticas



Diz-se o meu cabelo foi corto ou o meu cabelo foi cortado?
O verbo cortar apenas admite o particípio passado cortado, pelo que, das frases que refere, a única correcta é o meu cabelo foi cortado.



Como se classifica gramaticalmente a forma levemo-lo?
Gramaticalmente, levemo-lo corresponde a uma forma do verbo levar na primeira pessoa do plural do imperativo (ex.: amigos, levemos isto daqui já), seguido do pronome átono o, que assume a forma -lo por estar a seguir a uma forma verbal terminada num -s (que desaparece: levemos + o = levemo-lo).

A forma levemos, isoladamente, poderá corresponder também ao presente do conjuntivo (ex.: é preciso que levemos isto daqui), mas, como tem o pronome átono em posição enclítica (depois do verbo), não corresponde a esse tempo, pois o presente do conjuntivo é normalmente antecedido da conjunção que, com propriedades de atracção do pronome átono (ex.: é preciso que o levemos daqui), não sendo considerada gramatical uma construção proclítica nesse caso (ex.: *é preciso que levemo-lo daqui).


Ver todas