Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub

Pesquisa por "Bagaço" nas definições

empesar | v. tr.
    Espremer o bagaço (das uvas) para lhe extrair o vinho....

esbagaçar | v. tr. e pron.
    Reduzir a ou ficar em bagaços, em pedaços (ex.: esbagaçou o carro; o copo esbagaçou-se no chão)....

alvergue | n. m.
    Tanque do lagar em que se apura o azeite que solta o bagaço....

escotilha | n. f.
    Abertura na parte superior do tonel, para limpeza da vasilha e entrada de uvas ou bagaço....

troça | n. f.
    Primeira aguardente do bagaço....

bagacina | n. f.
    Conjunto de fragmentos sólidos de rocha basáltica, geralmente de tamanho entre 0,5 e 5 cm, resultantes de projecções de lava (ex.: chão de bagacina; extracção de bagacina)....

cardaço | n. m.
    Resíduo das uvas, depois de pisadas e de extraído o vinho....

comboia | n. f.
    Cesto grande, com varais, para transporte de bagaço nos engenhos de bangué....

cadraço | n. m.
    Resíduo das uvas, depois de pisadas e de extraído o vinho....

cincho | n. m.
    Prensa em que se espreme o bagaço....

gravela | n. f.
    Bagaço seco da uva....

lia | n. f.
    Bagaço de que se faz a aguapé....

vinhaço | n. m.
    Balsa ou pé, bagaço de uvas que contém ainda muito vinho....

bagaceiro | n. m. | adj.
    Aquele que remove o bagaço....

bagaço | n. m.
    Resíduo de frutos ou de qualquer outra substância que foi espremida (ex.: bagaço de azeitona; bagaço de cana-de-açúcar; bagaço de uvas)....

brulho | n. m.
    Bagaço de azeitona....

Dúvidas linguísticas


Há uma colega minha que tem uma dúvida: existe ostracisei, e está bem escrito? E o que quer dizer ao certo?
O verbo ostracizar encontra-se registado no Grande Dicionário Língua Portuguesa da Porto Editora e significa “submeter ou submeter-se ao ostracismo” (ex.: os colegas ostracizaram o rapaz; para aliviar a ansiedade constante, ostracizava-se e procurava a solidão). É de referir que este verbo se formou juntando o sufixo -izar, muito produtivo em português, ao substantivo ostracismo (com queda do sufixo -ismo: ostrac[ismo] + -izar = ostracizar), pelo que deverá ser grafado com -z- no sufixo e não com -s-. A forma correcta será então ostracizei.



Consultoria é um termo português ou o correcto seria consultadoria?
Tanto a forma consultoria (do latim consultor, -oris “conselheiro, aconselhador, consultante”) como consultadoria (do latim consultator, -oris “consulente, aquele que pede conselho a jurista”) são termos portugueses, registados, para além do Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, noutros dicionários de língua portugueses, como o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea, da Verbo/Academia das Ciências de Lisboa e o Grande Dicionário da Língua Portuguesa, da Porto Editora. Dicionários brasileiros como o Dicionário Aurélio Século XXI ou o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa contemplam apenas o termo consultoria, o que pode indicar, aliado à sua menor frequência em corpora e em motores de pesquisa, que consultadoria se trata de uma forma menos usada, pelo menos no Brasil.

Palavra do dia

deu·te·ro·pa·ti·a deu·te·ro·pa·ti·a


(grego deúteros, -a, -on, segundo, a seguir + -patia)
nome feminino

[Medicina]   [Medicina]  Doença secundária proveniente de outra anterior.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/Pesquisar/Baga%C3%A7o [consultado em 05-05-2021]